Desforra do União Sportiva ante o CAB Madeira

Pela quinta vez na fase final da Taça de Portugal

O União Sportiva vai estar pela quinta vez na fase final, com 4 clubes, da Taça de Portugal de basquetebol feminino.
O apuramento aconteceu ao eliminar o Clube Amigos do Basket (CAB) da Madeira, num jogo que acabou por ser de desforra depois da inesperada derrota do União Sportiva, uma semana antes, no Funchal, para o campeonato (70-78).
A vitória do União Sportiva no terceiro jogo com o CAB para a Taça de Portugal aconteceu em Ponta Delgada. Um jogo sempre controlado pela equipa finalista vencida da edição do ano passado. Ganhou por 15 pontos de diferença (82-67). No final dos 4 períodos de 10 minutos de jogo o União Sportiva esteve sempre com vantagem: 25-20; 17-11 (42-31 ao intervalo); 18-17 e 22-19 (82-67 no final). 
No União Sportiva deram nas vistas Josephine Filipe (20 pts), Sara Djassi (13 pts), Destinee Young (12 pts), Catarina Mateus (12 pts) e Kankou Coulibaly (10 pts). Anna Seilund marcou 9 pontos, Joana Soeiro e Sofia Ferreira, 3 pontos cada.
Na equipa madeirense assumiram realce Mandy Coleman (22 pts), Chelsea Welch (22 pts) e Cíntia França (11pts).

APENAS O 3.º JOGO EM CASA

Este foi somente o terceiro jogo que o União Sportiva disputou em Ponta Delgada dos 18 que realizou em 7 anos na Taça de Portugal. Dos 18 encontros a equipa açoriana ganhou 15!!! 
É a quinta presença na fase final, que se disputa em fase concentrada pelos 4 clubes apurados dos quartos de final. Das cinco participações, o União ganhou a taça em 2015/16 (74-51 ao Olivais de Coimbra, na final) e perdeu na final do ano de 2018 (50-54) com a Associação de Vagos. 
As falhas do actual campeão nacional na fase final da Taça de Portugal foram em 2012/2013 e 2016/2017.
Na fase final da Taça de Portugal desta época, o União Sportiva pode defrontar, na meia-final, o Olivais de Coimbra (venceu a Ovarense, fora, por 79-46), a Quinta dos Lombos (recebeu e venceu o Santo André do Barreiro, por 76-68) e o Vitória de Guimarães (ganhou, em casa, por 63-55, ao Carnide).

DÉCIMA TERCEIRA DERROTA

A equipa masculina do União Sportiva sofreu a décima terceira derrota na zona Sul da 1.ª divisão. Aconteceu no pavilhão do Chamusca, por 24 pontos de diferença (76-52). Ao intervalo já havia 14 pontos de desvantagem, no desenho de mais um jogo nada conseguido pela equipa de Ponta Delgada. 
No primeiro período houve 20-10 e no segundo 20-14 para o Chamusca Basket. Apenas no 3.º registou-se mais equilíbrio, com os 14-13 da equipa ribatejana. Nos 10 minutos finais novo desnível, com os 22-15.
Freed Lima foi novamente o melhor marcador da equipa, com 13 pontos, seguido de Garcia Luzolo e de Ruben Amaral, com 10. Nove pontos para Eduardo Lopes, 8 para Onésimo Nauana e 2 para Eduardo Oliva compuseram os 52 pontos do União Sportiva.
A equipa, que tem o terceiro pior saldo entre pontos marcados e os pontos sofridos (155), só ganhou 4 jogos e vai estar na segunda fase a tentar não descer à 2.ª divisão.
Resultados da 17.ª jornada: Chamusca-U. Sportiva, 76-52; Cruz Quebradense-Atlético, 62-67; Portimonense-Atl. Moscavide, 45-67; Fisica-CB Queluz, 72-63; Ginásio Olhanense-Algés, 72-78; Scalipus-Queluz, 58-96 e Basket Almada-Odisseia, 76-55.
Jogo antecipado da 19.ª jornada: Portimonense-Algés, 45-67.
Classificação: 1.º Atlético, 31 pts; 2.ºs Queluz (menos 1 jogo) e  Algés, 30; 4.º Clube Basket Queluz, 29; 5.ºs Atlético Moscavide e Basket Almada, 28; 7.º Física Torres Vedras, 27; 8.ºs Ginásio Olhanense e Odisseia Basket, 26; 10.º Chamusca, 23; 11.º União Sportiva, 21; 12.º Scalipus Setúbal, 20; 13.ºs Cruz Quebradense e Portimonense (mais 1 jogo), 19 pts.
 

Print
Autor: CA

Categorias: Desporto

Tags:

x
Revista Pub açorianissima