Autorizada segunda tentativa para alienar 49% da SATA Internacional

 O Conselho do Governo dos Açores autorizou a alienação das acções representativas de 49% do capital social da SATA Internacional - Azores Airlines, S.A. em procedimento por negociação particular.
Este procedimento, segundo o Executivo açoriano, “vai ser organizado e conduzido de forma aberta, transparente, concorrencial e não discriminatória”.
 O Orçamento da Região para 2019 renovou a autorização ao Governo Regional para efectivar a alienação parcial da SATA Internacional - Azores Airlines, S.A., depois de, como foi público, o processo anterior ter sido cancelado devido – justifica o Governo dos Açores -  “à divulgação indevida de documentação reservada e confidencial.
 Tendo em conta o trabalho já realizado no âmbito do processo anteriormente lançado, sobretudo ao nível da definição dos pressupostos e termos dessa alienação, bem como “a imperatividade” do Conselho de Administração do Grupo SATA de “priorizar a sua actividade” no processo de reestruturação das empresas que o compõem e de recuperação económica e financeira do Grupo, a operacionalização do processo de privatização passa também a contar com a intervenção e colaboração da SDEA, EPER, Sociedade para o Desenvolvimento Empresarial dos Açores, entidade que tem por atribuições, entre outras, “as de promover a captação de investimentos de capitais externos à Região, nacionais ou estrangeiros”.
 A alienação segue o procedimento de “negociação particular, sendo de igual modo constituída uma comissão especial para acompanhamento do respectivo processo”.
 

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker

Revista Pub açorianissima