No “Europeu” de Downhill 

Micaelenses entre os melhores portugueses

Rui Janeiro foi o quarto melhor ciclista português no escalão de Sub 23 na prova do Campeonato da Europa de downhill, realizada na Pampilhosa da Serra.
A categoria de Sub-23 é a que Rui Janeiro surge na classificação oficial divulgada. Ficou atrás de Tomás Barreiros, de Tiago Ladeira e de Filipe Silva.
O ciclista do Team Futurismo Azores Adventures foi o 18.º classificado na categoria. Competiram no escalão de Sub 23 um total de 22 ciclistas.
Na classificação final foi 60.º posicionado entre os 87 participantes de vários países da Europa. Cumpriu a descida em 3.38:490.
Francisco Travassos, a correr individualmente, foi o terceiro melhor português do escalão júnior, com o tempo de 3.41:0584. À sua frente ficaram os corredores Gonçalo Bandeira e João Batista e atrás mais 3 concorrentes portugueses.
Na classificação entre os 16 juniores participantes Travassos terminou em 9.º lugar e na classificação geral ficou em 65.º lugar.
Atendendo a que estiveram entre a elite europeia da disciplina, os dois atletas da ilha de São Miguel e únicos açorianos presentes, tiveram uma actuação positiva, mormente no âmbito nacional.

JUNIORES NÃO AGUENTARAM

Os ciclistas açorianos que integraram a selecção dos Açores de juniores presente nas 4.ª e 5.ª provas da Taça de Portugal de ciclismo de estrada, não conseguiram resultados aceitáveis.
Apenas Romeu Costa terminou uma das etapas. Foi a de domingo, na extensão de 115 kms entre Lordelo e Valongo. O jovem ciclista da equipa micaelense da Bike Mais foi 75.º classificado entre os 81 que concluíram, com 3h06m52s.
Na etapa de sábado, no circuito da Palmeira, em Braga, com 110 kms, Romeu Sousa ultrapassou o tempo limite.
Os faialenses Pedro Rosa, da equipa Destravados, e Gonçalo Moniz, da equipa Ribeirinha Activa/Ourivesaria Olimpo, desistiram em ambas as etapas.

TIAGO FURNA LIDERA

Após as duas primeiras provas da Taça de São Miguel em ciclismo de estrada, Tiago Furna lidera com mais 3 pontos do que Luís Cabral.
A nota de destaque vai para os corredores da Azores Skoda Cycling. Os 4 ciclistas da equipa estão nos 10 primeiros lugares. A rodagem adquirida na recente participação no Grande Prémio do Nordeste, na zona de Bragança, está a dar frutos.
Com três provas por realizar e com 35 pontos a separar o 1.º do 5.º classificado, promete emoção esta edição da Taça de São Miguel.
Classificação após as etapas Ribeira Grande/Ribeira Grande e Ribeira Grande/Salto do Cavalo: 1.º Tiago Furna (Fontinhas/Activa/Promotora), 187 pts; 2.º Luís Cabral (Vito/Feirense/PNB), 184; 3.º Nelson Toste (Azores Skoda Cycling), 164; 4.º Roberto Gandarinho (CD Metralhas), 161; 5.º João Pedro Medeiros (Bike Mais), 152; 6.º Pedro Coutinho (Azores Skoda Cycling), 151; 7.º Délio Melo (Azores Skoda Cycling), 147; 8.º David Morais (CD Metralhas), 117; 9.º Álvaro Câmara (Azores Skoda Cycling), 114 e 10.º Bruno Medeiros (Clube Desportivo Operário Lagoa), 105 pts. Estão classificados mais 46 ciclistas.
Em juniores Rodrigo Costa (Seg Mento Bike Team/Desp. São Vicente Ferreira) lidera e em Master 50 é 1.º João Paulo Amaral (CD Operário Lagoa). Em femininos repartem o 1.º lugar Andrea Costa (5 Quinas) e Luísa Ponte (Azores Skoda Cycling).
Colectivamente: 1.ª Azores Skoda Cycling, 70 pts; 2.ª CD Metralhas, 60; 3.ª Fontinhas Activa/Promotora, 52; 4.ª Clube Desportivo Operário Lagoa, 50; 5.ª Bike Mais, 46; 6.ª Seg Mento Bike Team/GD São Vicente Ferreira, 44; 7.ª Maritimo, 38 e 8.ª Atlético de São Pedro, 34 pts.

 

Print
Autor: CA

Categorias: Desporto

Tags:

Theme picker

Revista Pub açorianissima