Comissão de Protecção de Crianças e Jovens sensibiliza para o abandono escolar

Na Casa da Cultura Carlos César decorreu uma tertúlia  da Comissão e Protecção de Crianças e Jovens, que contou com a colaboração da Câmara Municipal de Lagoa, Junta de Freguesia da Ribeira Chã, Centro Social e Cultural da Atalhada e Casa de Povo de Água de Pau. 
Esta iniciativa enquadrou-se no plano de actividades da CPCJ de Lagoa e se destinou a crianças e jovens com problemáticas ao nível do absentismo e abandono escolar da Escola Secundária de Lagoa, Escola Básica e Integrada de Água de Pau e Escola Básica e Integrada de Lagoa, com o propósito de envolver, num diálogo informal e aberto, crianças, jovens, encarregados de educação e directores de turma.
A ocasião ficou marcada pelo testemunho de Cristina Calisto, Presidente da Câmara Municipal de Lagoa, que descreveu o seu percurso de estudante e um pouco da sua vida ao longo dos tempos de juventude, até iniciar a sua carreira profissional. Por outro lado, frisou também a importância do investimento que a edilidade faz em matéria de educação, colaborando com as escolas do concelho e instituições e clubes que formam crianças e jovens, apostando também em projectos que possam alavancar um futuro à juventude lagoense em termos profissionais, como foi de facto, a Escola Profissional de Lagoa Inetese, que oferece outras opções de formação aos jovens. 
Participou também, nesta iniciativa, André Melo, membro da CPCJ de Lagoa e Técnico Superior na Direcção Regional do Emprego e Qualificação Profissional e Pedro Gomes, Psicólogo na APPJ - Associação de Promoção de Públicos Jovens.
 

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

x
Revista Pub açorianissima