De Janeiro a Abril deste ano

Pescadores açorianos ganham mais 2,4 milhões de euros com mais 330,5 toneladas de pescado

 Os pescadores açorianos pescaram nos primeiros quatro meses deste ano mais 330,3 toneladas de pescado, o que representou um ganho de 2,4 milhões de euros.
De facto, de Janeiro a Abril deste ano, foram descarregadas nos portos da Região 1.486.832 quilos de pescado no valor de 9.463.399 euros quando, em igual período do ano passado haviam sido descarregadas em lota 1.155.461 quilos de pescado, no valor de 6.974.200 euros.
No pescado capturado nos primeiros quatro meses deste ano, as quantidades de atum descarregadas em lota foram muito inferiores às do ano passado.  
Entre Maio do ano passado e Abril deste ano, o preço do peixe descarregado em lota baixou 10%, apesar de se ter pescado menos atum este ano do que no ano anterior.
Por exemplo, o preço do peixe-espada-branco, entre Maio de 2018 e Abril deste ano, desceu 13,2% em lota em relação a igual período de 2018.
Os preços dos peixes pelágicos, onde estão incluídos os atuns, chicharro e cavala deixaram em lota, entre Maio de 2018 e Abril deste ano 27,4%.
O preço do chicharro foi o que mais desceu. Entre Maio de 2018 e Abril deste ano, o preço do chicharro desceu em lota 41,8%. Foi, assim, quase vendido a metade do preço de Maio de 2018.
Entre Maio de 2018 e Abril deste ano o preço dos atuns desceu em lota 45,5%, uma percentagem extremamente elevada.


Preço médio do chicharro
caiu 45,5% no espaço
de um ano

Em contarapartida, o peço de alguns peixes chamados ‘nobres’ subiu, de forma significativa. Por exemplo, o preço do goraz subiu 24,4% entre Maio de 2018 e Abril deste ano. O Preço médio do Alfonsim em lota foi de 7,01 euros o quilo em Abril deste ano, um preço superior em 12,6% em relação a Maio de 2018.
O Imperador, que tem o preço mais caro vendido em lota nos Açores, foi vendido em Abril, na lota, a 24,35 euros o quilo, o que representa mais 8,9% do que em Maio de 2018.
Interessante que o congro foi vendido em Abril deste ano a 4,21 euros o quilo, o que representa um aumento de 24,5% em relação a Maio do ano passado.
O peixe-espada-preto foi vendido em Abril deste ano ao preço médio de 6,92 euros o quilo, o que equivale a mais 32,7% do que em Maio de 2018.
 

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

x
Revista Pub açorianissima