Rui Bettencourt lança apelo para os açorianos no mundo se envolverem no Conselho da Diáspora Açoriana


 O Secretário Regional Adjunto da Presidência para as Relações Externas, Rui Bettencourt, lançou ontem, em nome do Governo dos Açores, um apelo a todos os açorianos para se envolverem no Concelho da Diáspora Açoriana que, no seu entender, “poderá marcar a abertura de uma nova era nas relações entre os Açorianos no Mundo e o Arquipélago”.
“Chamaria, pois, a vossa atenção para a importância deste Conselho. Nasce de uma proposta do Governo dos Açores que quis, assim, desde logo, estabelecer o reconhecimento, como açorianos, de todos os que pelo mundo se sentem açorianos”, afirma Rui Bettencourt.
O governante considera também “particularmente relevante o facto deste Conselho proporcionar a todos os açorianos que se sintam – e que sejam - parte do projecto açoriano”.
O Conselho “é também um vector de união de todo o povo açoriano”, realça.
O Conselho da Diáspora Açoriana foi aprovado na Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores com o voto, o contributo e o apoio de todos os partidos políticos. “Isto dá uma satisfação particular ao Governo dos Açores por ter proposto, e liderado, a criação deste Conselho, onde cabem todos os Açorianos. E têm sido inúmeras as mensagens e artigos de apoio a este Conselho”, refere Rui Bettencourt.
O governante realça, em sequência, que “agora, muito falta fazer, para que este Conselho da Diáspora Açoriana atinja os seus objectivos na implicação efectiva e no envolvimento do maior número de açorianos. E o que falta fazer passa pela mobilização de todos e de cada um de vós”.
“Apelava, assim, em nome do Governo dos Açores e, sobretudo, em nome do necessário reconhecimento que só a participação de todos torna eficaz”, afirmou.
Uma plataforma electrónica (site) estará em breve disponível onde se podem registar como açorianos e eleger os vossos representantes neste Conselho da Diáspora Açoriana, que terá 19 representantes.
Cinco serão dos Estados Unidos: um para a Califórnia, um para Massachusetts, um para Rhode Island e dois para os restantes Estados.  
Cinco vão ser do Canadá: um para British Columbia, um para Manitoba, um para Ontário, um para Quebeque e um para as restantes províncias e territórios;
Cinco serão do no Brasil: um para o Rio Grande do Sul, um para o Rio de Janeiro, um para Santa Catarina, um para São Paulo e um para os restantes Estados.
O Conselho terá ainda um representante dos açorianos da Bermuda; um para o Uruguai; um para representar os açorianos no território nacional, fora do arquipélago; e um outro do resto do mundo.
“Assim”, afirma Rui Bettencourt, “as açorianas e os açorianos no mundo inteiro vão poder escolher os seus representantes num órgão onde se podem envolver na vida dos Açores”.
O governante dirige-se directamente às “caras açorianas, e caros açorianos” para verem “a força que podem ter os Açores e o nosso povo, se nos mobilizarmos, nos unirmos e se participarmos com entusiasmo no projecto açoriano”.
Entre os açorianos que se encontrarem inscritos na plataforma electrónica serão organizadas eleições para eleger os vossos representantes.
 

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

x
Revista Pub açorianissima