Festival das Marés hoje com Anselmo Ralph e amanhã com David Carreira

O Festival das Marés, que teve  início na noite de ontem e decorre até Sábado, nos Mosteiros, também com o apoio da Câmara Municipal, vai já na sua quarta edição e “apresenta-se como mais um evento âncora do concelho de Ponta Delgada”. 
A afirmação foi preferida ontem pelo Vereador Pedro Furtado na conferência de Imprensa de apresentação do Festival das Marés 2019, que se realizou na sede da Banda Fundação Brasileira, organizadora do evento.
Pedro Furtado, que falava em representação do Presidente da Câmara Municipal de Ponta Delgada, José Manuel Bolieiro, afirmou, citado em comunicado, que este festival merece todo o apoio da Autarquia, não apenas pelo facto de se apresentar como um evento âncora do concelho, mas também porque dinamiza a economia e o turismo nos Mosteiros.
Aliás, o vereador da Câmara de Ponta Delgada fez questão de destacar a importância da freguesia dos Mosteiros para o sector do turismo, afirmando que a mesma tem um enorme potencial nesta área. Apontou como exemplo a zona balnear de excelência ali existente - as Poças Sul dos Mosteiros.
Por isso mesmo, o Município de Ponta Delgada vai continuar a apoiar eventos como este (Festival das Marés) que hoje começa, assim como investir em obras que criem uma maior mobilidade na freguesia.
Recordou a aquisição, pela Câmara e pela Junta de Freguesia dos Mosteiros, de um terreno, situado mesmo à entrada da freguesia, no qual foi construído um parque de estacionamento, que permite melhorar as necessidades de quem vive e de quem visita esta freguesia do concelho de Ponta Delgada.
Pedro Furtado reconheceu o papel da Fundação Brasileira e da Junta dos Mosteiros na organização do Festival Marés que, ano após ano, recebe artistas de renome nacional, contribuindo para uma maior promoção da freguesia, do concelho e até dos Açores. Ontem actuaram no palco principal, situado no Campo de Futebol, Fernando Rocha, num espectáculo de stand up comedy, seguindo-se um dos momentos altos do festival: actuação conjunta de André Sardet com a Banda Fundação Brasileira. Taponas Assassinas assumiram, depois, o comando da festa, que encerrou com Soulsky. 
No palco secundário, situado no Largo da Igreja, actuaram Carina Lima e Sérgio Viveiros.
Esta Sexta-feira  pelo palco principal vão passar Vânia Dilac & Soulmates, Anselmo Ralph, DJ Ride e DJ Play. No palco secundário, dedicado a concertos acústicos, atua a Dixie FB.
No último dia do festival, amanhã, têm lugar os concertos de The Code, David Carreira, Piruka e Mastiksoul e, ainda, no Largo da Igreja, de Luís H. Bettencourt e André Jorge.
Na conferência de Imprensa, em que participou o artista convidado do Festival Marés, André Sardet, o presidente da Fundação Brasileira, Lázaro Matos, afirmou que a organização espera até 5.000 pessoas neste evento, que tem vindo a crescer desde a primeira edição.

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker

Revista Pub açorianissima