Câmara de Ponta Delgada investe mais de um milhão de euros na Escola dos Milagres

 José Manuel Bolieiro afirmou, ontem à tarde, que o investimento nas pessoas e na área da educação, em particular, tem sido prioridade do Executivo a que preside.
O edil, que falava durante uma visita à Escola EB1/JI dos Milagres, anunciou que nos últimos anos a Câmara Municipal de Ponta Delgada investiu, só nos Arrifes, mais de 4 milhões de euros em obras nos edifícios escolares da Piedade, Outeiro, Saúde e Milagres.
A empreitada de ampliação e beneficiação da Escola EB1/JI dos Milagres, no valor de 1.275.001,00 euros, veio criar condições para a capacidade de aprendizagem e para o sucesso educativo, afirmou com satisfação o autarca, perante a comunidade escolar, convicto de que “estamos melhores” e “a criar condições para termos progresso e um futuro melhor”.
O Presidente da Câmara Municipal parabenizou e felicitou os alunos pela escola “nova bonita e bem equipada”, agradeceu o envolvimento, entre outras entidades, da comunidade educativa e da Junta de Freguesia dos Arrifes, e enalteceu a competência do projectista, do construtor, do fiscal de obra e do Departamento de Obras Municipais.
A escola tem agora capacidade para 180 alunos e está dotada de novas áreas programáticas e melhores condições de acessibilidade e modernidade.
Foi reabilitada parte do edifício correspondente ao volume original e procedeu-se à construção um edifício novo, com ligação ao existente.
O edifício existente dispõe de 2 salas de aula no piso térreo, com capacidade para 20 alunos nas salas; 2 no piso 1, com capacidade para 22 alunos, perfazendo um total de 84 alunos.
O novo edifício desenvolve-se num só piso, com ligação ao existente. Tem capacidade máxima para 96 alunos divididos por 4 salas de aula: 2 para alunos do primeiro ciclo do ensino básico, e 2 salas de aulas para o jardim-de-infância.
Tem, ainda, 2 salas de apoio, sala de professores, gabinete do coordenador, área administrativa, biblioteca/ludoteca e sala polivalente. Existe mais uma sala de apoio com acesso directo ao átrio principal, que funciona para recepção aos encarregados de educação ou isolamento, caso haja necessidade.
A sala polivalente permite a projecção de imagens audiovisuais.
No que concerne aos espaços exteriores, o tratamento foi pensado tendo em conta a faixa etária e a segurança dos utilizadores.

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker

Revista Pub açorianissima