Nas freguesias de Ponta Delgada

Câmara lança desdobrável com as medidas de auto-protecção no concelho

 A Câmara Municipal está a lançar um desdobrável com as Medidas de Auto-protecção do concelho de Ponta Delgada, as quais já se encontram publicadas, em PDF, no portal da autarquia (http://www.cm-pontadelgada.pt/p/medidasautoprotecao).
O desdobrável, que foi executado pelo Observatório Vulcanológico e Geotérmico dos Açores (OVGA), com a colaboração da equipa técnica do Município, corresponde a um moderno resumo cartográfico do Plano Municipal de Emergência de Ponta Delgada e vai ser distribuído por todas as habitações, escolas, entidades e instituições das 24 freguesias do concelho.
Neste resumo cartográfico (ortofomapa), são identificados os centros de realojamento, os pontos de encontro, os terrenos onde podem ser montadas tendas, as sedes das Juntas de Freguesia, a Esquadra de Polícia, o Hospital, os quartéis de bombeiros e as unidades locais de saúde.
Paralelamente, dá-se a conhecer os contactos mais importantes a ter em conta em situações de crise, como Emergência (112) e Protecção Civil Municipal (296 650 950), assim como os perigos e os riscos naturais a que as 24 freguesias do concelho de Ponta Delgada estão sujeitas, as medidas preventivas e de emergência, a sismologia e a vulcanologia, além dos perigos tecnológicos resultantes de acidentes.
Com o desdobrável, que vai chegar a casa de todos os habitantes do concelho de Ponta Delgada, pretende-se envolver e sensibilizar não apenas a população como também as instituições de governação e as entidades públicas e privadas para a necessidade de haver um maior conhecimento com vista a uma prevenção mais eficaz em caso de situações anómalas, como catástrofes naturais.
Ao logo do concelho de Ponta Delgada os perigos naturais mais danificadores estão relacionados com chuvas fortes, torrenciais, com galgamentos rápidos de linhas de água (desde simples grotas a ribeiras entupidas por troncos e plásticos vindos das zonas altas e pouco cuidadas, e ventos fortes de sueste ou de sudoeste que desenvolvem perigosas ondulações. Trata-se, no fundo, de um documento informativo de grande importância para ter em conta em caso de prevenção que contém, inclusivamente, as instruções que todos os munícipes devem seguir quando confrontados com situações de crise relacionadas com a natureza.
Além das crises relacionadas com as chuvas fortes, o concelho de Ponta Delgada é atravessado por diversos tipos de falhas geológicas activas (fraturas que se movimentam) e potencialmente activas associadas a uma notável atividade sísmica. Desta forma, o concelho deve ser considerado como um território de elevada perigosidade sísmica.

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker

Revista Pub açorianissima