8 de janeiro de 2020

Agentes da PSP e militares da GNR devem manifestar-se dia 21, revela o Movimento Zero

O Movimento Zero, que dá voz aos protestos de elementos da PSP e da GNR, deverá chegar aos Açores, este mês. Num comunicado divulgado nas redes sociais, o movimento social inorgânico, criado em maio de 2019, apelou a uma concentração de protesto, no próximo dia 21 de Janeiro, em todos os aeroportos do país, incluindo os do arquipélago.
“Dia 21 de janeiro de 2020, vamos comparecer todos juntos nos aeroportos nacionais do continente e ilhas. Porto, Lisboa, Faro, Funchal e todos os aeroportos dos Açores terão a presença dos membros do M0 [Movimento Zero] por tempo indeterminado”, lê-se no comunicado. A concentração está marcada para o mesmo dia em que está previsto um protesto das associações profissionais da PSP e da GNR.  O protesto foi anunciado no dia 21 de Novembro, à porta da Assembleia da República, durante uma manifestação que juntou cerca de três mil polícias e militares da GNR, caso associações sindicais e Governo não chegassem a acordo, mas as acções de protesto só serão decididas, esta Quinta-feira, num plenário que vai juntar nove sindicatos e associações. Entre as reivindicações estão o pagamento do subsídio de risco, a actualização salarial e dos suplementos remuneratórios, o aumento do efectivo e mais e melhor equipamento de protecção pessoal.
O Movimento Zero, que não tem representantes conhecidos, apela à união dos polícias para que mostrem a sua “indignação” nos aeroportos portugueses. “É chegado o momento de todos, unidos, darmos mais uma vez, voz e rosto à nossa luta. O M0, de polícias e para todos os polícias, permite agregar esforços e levar a ousadia, inovação e irreverência dos protestos a patamares difíceis de implementar em outros sectores de luta”, lê-se no comunicado. CA/DI

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker

Revista Pub açorianissima