Arte, educação e ciência percorrem o festival Montanha este mês

A ilha do Pico continua a ser a anfitriã do Montanha Pico Festival que decorre durante este mês de janeiro. Acolhendo dezenas de artistas de vários países e programa de aventuras, centenas de pessoas desfrutam da programação eclética. 
“O Parque Natural do Pico considera de elevada importância a dinamização de um conjunto de eventos destinados à divulgação e sensibilização ambiental do património natural da ilha do Pico que decorre ao longo do Montanha Pico Festival” diz Manuel Paulino Costa, Diretor do Parque Natural do Pico. “Através deste festival é possível transmitir de uma forma descontraída um conjunto de mensagens, não só à população local mas também a quem visita a ilha do Pico nesta altura, tendo em vista o conhecimento e a preservação das grutas e algares existentes na ilha do Pico, bem como sobre as particularidades e importância da Montanha do Pico.”
Além das visitas a grutas e algares, todos os sábados de manhã, o festival tem as tardes de chá na Casa da Montanha aos domingos à tarde, onde há a oportunidade de conhecer os artistas participantes entre conversas sobre arte e a montanha. 
“Neste festival alia-se à arte, a ciência e a educação, tornando mais acessível o conhecimento a toda a população, através desta parceria estabelecida entre o Parque Natural do Pico e a MiratecArts” termina Manuel Paulino Costa, que no próximo domingo, 19 de janeiro, lidera a “Caminhada dos Vulcões”, um programa que tem vindo a fazer parte do festival durante as suas seis edições.
 

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker

Revista Pub açorianissima