Doutor em História Insular e Atlântica

Sérgio Rezendes representa Portugal em comissão da NATO

O historiador Sérgio Rezendes foi nomeado pela Direcção Nacional dos Reservistas de Portugal para representar a Reserva Voluntária portuguesa na Confederação de Reservistas da NATO. 
Das nove comissões em que o país se fará representar, Sérgio Rezendes é o delegado nacional para o DEFSEC, DefenceAttituteandSecurityIssuesCommittee, junto do CIOR, a Confederação Inter-aliada dos Oficiais da Reserva da NATO. 
A sua missão passa por abordar e debater com os aliados, os desafios atuais e emergentes de segurança e defesa global ao nível estratégico, a fim de fazer colaborar o CIOR (InteralliedConfederationof Reserve Officers)na interoperabilidade das forças da OTAN e da Reserva Aliada, com o objectivo de melhorar a eficácia operacional das tropas NATO. Portugal, e os Açores, ficam assim com capacidade de informar e participar no desenvolvimento de políticas centradas na aliança, face à rápida evolução nas tensões internacionais, colaborando com as visões nacionais, corporativas e mesmo académicas numa sã relação entre a OTAN e os Ministérios de Defesa.
    Sérgio Rezendes é o primeiro interlocutor nacional nesta comissão uma vez que só em 2019, a Liga dos Reservistas de Portugal integrou a Confederação Inter-aliada dos Oficiais da Reserva/NATO, assim como por despacho do Chefe de Estado Maior Geral das Forças Armadas (CEMGFA), o EMGFA. Organização civil, a Liga dos Reservistas passa a ter representação junto do CIOR assumindo a dupla valência no apoio interno e externo, reforçando agora no estrangeiro a promoção dos valores e interesses nacionais.
 Para tal, o compromisso ético destes voluntários permite-lhes o reconhecimento oficial para voltar a usar o uniforme quando em missão ou representação nacional, dado o vínculo estabelecido pelo juramento de bandeira que prestaram quando ao serviço das Forças Armadas. 
Factores como ser licenciado em História e Ciências Sociais (Via Ensino) e Doutor em História Insular e Atlântica (séculos XV-XX); antigo oficial do Exército e subdiretor do Museu Militar dos Açores, com experiência docente no Mestrado em Património, Museologia e Desenvolvimento e na licenciatura de Estudos Europeus e Política Internacional na academia açoriana, bem como Auditor de Defesa Nacional e vogal da Comissão de Turismo Militar dos Açoresda Defesa Nacional, pesaram certamente na decisão. Enquanto presidente do núcleo açoriano da Liga dos Reservistas, Sérgio Rezendes tem-se empenhado em desenvolver a missão da organização, nomeadamente na promoção da cidadania para com a Pátria; na criação  da  Reserva  Operacional; na formação às Unidades de Cadetes do Mar e do Exército e no  Dever  de  Memória, participando no projecto do Turismo Militar e Naval, apoiando os comandos militares quando solicitado, para além do resgate da História açoriana. Nestas novas funções, irá integrar vários cursos NATO, nomeadamente os CIMIC exercises, com conferências e exercícios simulados de operações civis e militares. 

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker

Revista Pub açorianissima