Carrinhas com caixa fechada usadas na horticultura, floricultura e fruticultura já podem usar gasóleo agrícola

 Os agricultores que sejam proprietários de veículos ligeiros de transporte de mercadorias com caixa fechada utilizados nas actividades de horticultura, floricultura e fruticultura passam a ter acesso a gasóleo agrícola nos Açores.
“Na perspectiva do Governo dos Açores, esta medida permite dar resposta aos anseios manifestados pelos agricultores ao longo dos últimos tempos e à dinâmica de crescimento que se tem verificado na área da diversificação agrícola”, salientou João Ponte.
Uma portaria ontem publicada em Jornal Oficial determina que também podem utilizar gasóleo agrícola veículos ligeiros de transporte de mercadorias com caixa fechada, com cilindrada igual ou inferior a 3.000 centímetros cúbicos e peso bruto igual ou inferior a 3.500 quilos.
“Esta alteração introduzida no sistema de abastecimento de gasóleo agrícola é concretizada sem aumentar os plafonds atribuídos às diferentes categorias”, garantiu João Ponte.
Para passarem a utilizar o gasóleo agrícola, os agricultores proprietários de carrinhas de caixa fechada devem efectuar o registo, entre 1 e 15 de Março, nos Serviços de Desenvolvimento Agrário ou nas instituições devidamente creditadas para o efeito. 
O Presidente da Associação Terra Verde, após ser conhecida a publicação da portaria, manifestou a sua satisfação por esta ter sido uma reclamação antiga, por só estarem antes contempladas as carrinhas de caixa aberta. “Batalhamos muito sobre esse assunto e felizmente esta medida é extensivel aos furgões”.
No entender Manuel Ledo este apoio é essencial para os produtores terem um menor custo, pois faziam o transporte em carrinhas fechadas mas tinham de pagar pelo combustível normal e não tinham beneficio nenhum quando o beneficio existia para as carrinhas de caixa aberta. “Na altura nós sugerimos que bastava retirar a palavra caixa aberta e colocar cabinaadas, pois não era nem abertas e nem fechadas. Era mais simples, mas tal não aconteceu”, mas a portaria agora publicada rectifica isso, regista Manuel Ledo.

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker

Revista Pub açorianissima