Açores encerram escolas e interditam discotecas e museus

O Covid-19 chegou a Portugal no início de Março. Os Açores não têm nenhum caso, mas para evitar o pior o Governo açoriano rtem tomado medidas de prevenção. Neste sentido, ontem ao início da noite determinou o encerramento, a partir de segunda-feira, 16 de Março, de todos os estabelecimentos de ensino da Região. A justificação do Governo açoriano surge na sequência da monitorização permanente feita à evolução da pandemia COVID-19, e ao abrigo do estado de alerta já decretado nos Açores. Este encerramento vigorará até ao final do período de férias da Páscoa, conforme anunciou em comunicado.Foi também decretado pelo executivo açoriano o encerramento de creches, jardins-de-infância, centros de actividades de tempos livres, centros de actividades ocupacionais, assim como museus e bibliotecas públicas.
Foi ainda determinado o encerramento de estabelecimentos de diversão nocturna e salas de cinema, ginásios, assim como a interdição de piscinas de utilização pública, até ao dia 31 de Março.
Em articulação com a Associação de Municípios da Região Autónoma dos Açores, foi também recomendado o encerramento de todas as zonas balneares.
No caso de funcionários públicos que necessitem de se ausentar do serviço para apoiar os seus filhos até aos 14 anos de idade, ou, para além desta idade, em situações especiais, as suas faltas consideram-se justificadas.
No âmbito dessa monitorização, o Governo dos Açores recorda que, desde 9 de Março, foi recomendada a restrição do número de visitas em unidades de cuidados continuados integrados, estruturas residenciais para idosos e casas de saúde. Em circular informativa sobre esse assunto, é indicado que os responsáveis por aquelas unidades de internamento devem limitar as visitas a uma pessoa, em horário restrito.
A Direcção Regional da Saúde determinou também que a mesma restrição seja aplicada ao acompanhamento de utentes nos serviços de Urgência e nas Unidades Básicas de Urgência.
O Governo receomenda, mais uma vez, o cumprimento das medidas de protecção individual já divulgadas.
A protecção de todos começa com a protecção de cada um, lê-se no comunicado emitido pelo executivo açoriano.
A presidente da Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores comunicou também ontem que ouvida a Conferência de Líderes, o período legislativo de Março será adiado para data a informar oportunamente.
Ana Luísa Luís comunicou, ainda, que neste período, todas as Comissões Permanentes, Eventuais e Grupos de Trabalho, continuarão a funcionar de forma normal, recorrendo para o efeito a reuniões exclusivamente efectuadas por videoconferência.
O adiamento de todos os eventos promovidos pela Assembleia Legislativa; A suspensão de visitas a todas as instalações da Assembleia Legislativa; A não autorização de qualquer deslocação das Comissões Permanentes ou Eventuais, para reuniões de trabalho, fora da Região Autónoma dos Açores.
A Região Autónoma da Madeira também decidiu o encerramento de todos os estabelecimentos escolares, a partir da próxima segunda-feira, como medida de prevenção à pandemia de Covid-19. A medida vai estender-se também a medida vai estender-se até ao final das férias da Páscoa. A nível nacional, o Governo da República decidiu fechar escolas a partir de segunda-feira e vai reavaliar no dia 9 de Abril o terceiro período, que se inicia depois da Páscoa.
O Primeiro Ministro António Costa explicou que a decisão do Governo se prendeu com um parecer emitido ontem  pelo Centro Europeu para a Prevenção e Combate de Doenças.
Também revelou que espaços nocturnos vão ser fechados e vai ser reduzido em um terço o acesso a restaurantes.

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker

Revista Pub açorianissima