Lojas RIAC passam a privilegiar a marcação prévia no atendimento e com máscara e distanciamento

A Rede Integrada de Apoio ao Cidadão (RIAC) vai proceder progressivamente à reabertura das suas lojas, dando preferência ao atendimento por marcação prévia, de modo a proteger todos os utilizadores e colaboradores deste serviço público no contexto de pandemia de Covid-19, cumprindo o seu Plano de Contingência e as directrizes emanadas pela Autoridade Regional de Saúde.
Segundo nota publicada no GaCS, o atendimento por marcação compreende um serviço que permite agendar o atendimento presencial em dia e hora previamente definidos. Assim, de acordo com as orientações do Roteiro da Região Autónoma dos Açores “Critérios Para Uma Saída Segura da Pandemia Covid-19”, o horário entre as 09h00 e as 11h00 reserva o atendimento aos grupos mais vulneráveis e de risco, nomeadamente cidadãos com mais de 60 anos, portadores de doenças crónicas ou com necessidades especiais, sendo realizado por ordem de chegada.
Fora deste horário, isto é, após as 11h00, o atendimento aos cidadãos decorrerá apenas por marcação prévia.
Na prática, os cidadãos podem marcar o seu atendimento no portal da RIAC, em www.riac.azores.gov.pt ou através do número 800 500 501 da Linha Verde de Apoio ao Cidadão do Governo dos Açores, de Segunda-feira a Sábado, das 09h00 às 22h30, e aos Domingos e feriados, das 10h00 às 22h30.
Este serviço está disponível a partir de hoje para as Lojas RIAC situadas nas ilhas do Corvo, Flores e Santa Maria, que reabrem os seus serviços hoje. A sua disponibilização nas restantes ilhas do arquipélago decorrerá em paralelo com a reabertura das restantes lojas, em consonância com o referido Roteiro da Região.Nesse sentido, as Lojas RIAC adoptaram normas de segurança agora em vigor, nomeadamente o atendimento presencial será limitado ao titular/requerente do serviço, a zona de atendimento estará limitada, salvaguardando, pelo menos, um metro de distância do balcão, e o contacto direto deverá ser reduzido ao mínimo possível.
Será ainda disponibilizada uma divisória de protecção por posição de atendimento, através da qual se processa a interação, a transacção de documentos e equipamentos, sendo que o manuseamento de valores será efectuado sobre superfície lavável.
Também no âmbito das normas deste serviço, a sala de espera deverá salvaguardar uma distância mínima de duas cadeiras entre cada utente, não sendo permitida a permanência no interior da loja sem dar cumprimento à regra de distanciamento social.
As regras de limpeza e higienização serão garantidas através da desinfeção, a cada utilização, de todas as zonas, de material e equipamentos críticos, nomeadamente canetas e espaço de contacto.
A estas medidas acrescenta-se a utilização de solução anticética de base alcoólica para desinfeção das mãos e o uso obrigatório de máscara cirúrgica.

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker

Revista Pub açorianissima