Conselho Regional designa Bolieiro como candidato a Presidente do Governo

 O Conselho Regional do PSD/Açores designou, por aclamação, José Manuel Bolieiro como candidato do partido a Presidente do Governo Regional nas próximas eleições legislativas regionais.
“O presidente do PSD/Açores, José Manuel Bolieiro, tem a experiência política e cívica indispensável à presidência do Governo Regional dos Açores, adquirida no exercício das diversas missões desempenhadas, de elevada responsabilidade política e ao serviço dos açorianos”, afirmou Luís Pereira, secretário-geral do partido, no final da reunião do Conselho Regional.
O dirigente social-democrata salientou que o ciclo político e eleitoral para as eleições regionais de 2020 “expõe aos açorianos e à Autonomia a reforçada importância da alternância democrática”.
“Para as próximas eleições, a afirmação do nosso programa eleitoral alternativo – com uma agenda inovadora de governação – é fundamental, a realizar através da forte mobilização de todos os órgãos do partido, de todos os seus militantes e simpatizantes”, sublinhou.
Segundo Luís Pereira, o PSD/Açores “apresenta-se aos açorianos com um projecto ideológico e autonómico orgulhoso dos seus étimos fundacionais, como partido dos Açores, e do seu papel decisivo no alcance do prestígio nacional e internacional dos órgãos de governo próprio da Região Autónoma dos Açores”.
O órgão máximo do partido entre congressos aprovou também os critérios de escolha dos candidatos a deputados à Assembleia Legislativa dos Açores nas eleições regionais deste ano.
Os conselheiros do PSD/Açores decidiram que os candidatos que o partido apresentará “devem projectar a imagem de confiança, honestidade e integridade que caracteriza quem se compromete e dedica à causa pública e à missão”.
O Conselho Regional do PSD/Açores definiu também que os candidatos social-democratas “devem ter projecção e representatividade, geográfica e social, compreendendo as condições referentes ao interclassismo, à intergeracionalidade e ao género”.
“Os candidatos do PSD/Açores devem também representar uma saudável mistura de capacidade de trabalho e experiência, em que se propõem a trabalhar pelos Açores e a integrar, com reconhecimento das exigências e dedicação, o futuro grupo parlamentar do PSD/Açores na Assembleia Legislativa”, deliberou o Conselho Regional do Partido Social Democrata

 

Líder do PSD/A defende mais fundos europeus 
para economia privada
 

O presidente do PSD/Açores defendeu que as empresas privadas, que geram grande parte do emprego na Região, devem ter acesso a mais fundos europeus, alegando “não ser razoável” que as entidades públicas absorvam cerca de 70% das verbas do actual quadro comunitário.
“É lamentável que apenas 23% dos fundos tenham sido aplicados nas empresas privadas e 7% nas entidades de carácter social. Todo o restante é absorvido pelas administrações públicas. Isso não é razoável. É preciso apostar na reorientação dos fundos comunitários para a economia privada”, afirmou José Manuel Bolieiro, no encerramento da nona edição do Congresso da Sociedade, dedicada à ilha de São Miguel.
O líder social-democrata salientou que é necessário “reconfigurar” a forma como actualmente se distribuem na Região os fundos da União Europeia, atribuindo às empresas e entidades de carácter social “percentagens muito superiores” às actuais.
“É precisa uma nova estratégia, reorientando mais fundos comunitários para o que gera desenvolvimento. E é a economia privada que gera grande parte do desenvolvimento e do emprego”, considerou.
José Manuel Bolieiro, enquanto candidato a Presidente do Governo Regional, acrescentou que outro dos seus compromissos é proceder a uma “redução fiscal significativa”, alegando que “mais vale desonerar o contribuinte do que subsidiá-lo”.
“É preciso garantir ao contribuinte, que trabalha para criar riqueza, que não continue a ser massacrado com uma elevada carga de impostos”, sublinhou. O presidente do PSD/Açores propôs, por isso, a redução da taxa normal do IVA de 18% para 16% no arquipélago, “indo ao limite do que permite a Lei de Finanças das Regiões Autónomas”.
No encerramento de mais uma sessão do Congresso da Sociedade, o líder social-democrata agradeceu as reflexões dos oradores convidados, tendo elogiado o “brilhantismo e pensamento crítico” das suas intervenções.
A sessão teve como oradores Patrícia Santos, médica dermatologista, Luís Filipe Silveira, antigo administrador da SATA, Pilar Veríssimo Mota, coordenadora do Centro de Desenvolvimento Infantojuvenil dos Açores, e João Freitas, professor de ensino especial.

 

José Manuel Bolieiro critica as “contradições” 
do Governo sobre os testes 

 

 O presidente do PSD/Açores afirmou que imagem do arquipélago, enquanto destino turístico, sofreu “danos reputacionais” com as “contradições” do Governo Regional, a propósito da realização prévia de testes à COVID-19 aos passageiros que viajam do continente para a Região.
“O PSD desde a primeira hora propôs que os testes pudessem ser feitos, de forma facilitada e gratuita, na origem, salvaguardando a saúde pública e motivando a procura da Região enquanto lugar a visitar. Lamento as contradições na comunicação do Governo Regional sobre esta matéria, pois foram geradoras de atraso e causaram alguns danos reputacionais aos Açores enquanto destino turístico”, afirmou José Manuel Bolieiro, em declarações aos jornalistas.
O líder do social-democrata salientou que a recusa inicial do Governo Regional em garantir que os passageiros vindos do continente fossem testados à COVID-19 na origem, com os custos a serem assumidos pela Região, “provocou prejuízos” no setor do Turismo.
“Os agentes turísticos denunciaram que esta situação gerou cancelamentos de reservas, o que provocou prejuízos ao setor”, disse.
José Manuel Bolieiro referiu que, “felizmente”, a Secretária Regional da Saúde acabou por vir “desmentir o Presidente do Governo”, acabando o executivo por recuar e aceitar implementar a proposta do PSD/Açores.
“Dias antes, o senhor Presidente do Governo Regional tinha, em resposta a uma pergunta direta, dito que não [iria implementar a medida]. Isto é demonstrativo de uma incoerência estratégica”, considerou.
O presidente do PSD/Açores apelou ainda ao Governo Regional para que implemente agora, com “competência e eficiência”, a realização prévia de testes à COVID-19 aos passageiros que viajam do continente para a Região.
O líder do social-democrata aproveitou também a ocasião para referir que ainda não recebeu qualquer comunicação do Governo Regional relativa ao balanço do Roteiro da ‘Critérios para uma saída segura da pandemia COVID-19’.
“Existia o compromisso do Governo de fazer um balanço mensal do período de desconfinamento. Continuamos a aguardar uma comunicação sobre a gradualidade do desconfinamento, com vista à promoção das atividades económicas, sem nunca esquecer a componente epidemiológica”, concluiu.
 

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker

Revista Pub açorianissima