Duplicada taxa de comparticipação para apoiar restaurantes e hotéis a adquirirem produtos açorianos

O Governo dos Açores anunciou que através da Vice-presidência e no âmbito das medidas destinadas a combater os impactos negativos da pandemia de Covid-19 na actividade económica, introduziu alterações no Programa de Apoio à Restauração e Hotelaria para a Aquisição de Produtos Açorianos.
Este programa prevê que os estabelecimentos de restauração e hotelaria dos Açores podem beneficiar de um apoio financeiro de 10% nas despesas efectuadas com a aquisição de produtos com o selo Marca Açores. No caso de produtos regionais com certificação comunitária Indicação Geográfica Protegida - IGP, Denominação de Origem Protegida – DO, Denominação de Origem Controlada – DOP ou Artesanato dos Açores, este apoio financeiro é majorado em 40%.
O apoio financeiro não pode exceder anualmente o montante de cinco mil euros por estabelecimento e de 15 mil euros por empresa. São reforçadas, deste modo, as taxas de comparticipação previstas neste programa de apoio, passando de 10% para 20% na aquisição de produtos com o selo Marca Açores. Relativamente aos produtos abrangidos por denominações de reconhecimento comunitário, bem como o artesanato certificado dos Açores, a taxa de comparticipação passa de 14 para 28%.
Esta medida transitória abrange as aquisições de produtos efectuadas entre 1 de Abril e 31 de Dezembro de 2020.

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker

Revista Pub açorianissima