São Roque do Pico procede a campanha de caracterização de resíduos para perceber se há, ou não, contaminação

A Associação de Municípios da Ilha do Pico anunciou que está a proceder à caracterização dos diferentes tipos de resíduos urbanos recolhidos nas cinco freguesias do concelho de São Roque do Pico.
O processo iniciou-se no dia de ontem com a caraterização dos resíduos indiferenciados e vai prosseguir até à próxima Sexta-feira com uma nova avaliação de indiferenciados e, separadamente, dos reciclados vidro, papel/cartão e plástico.
Este trabalho, que é realizado duas vezes por ano, permite identificar quais os resíduos predominantes no concelho e se os munícipes estão ou não a proceder à correcta separação.
Ao mesmo tempo, a partir desta avaliação que será posteriormente remetida à Direcção Regional do Ambiente, é possível definir o caminho a seguir para melhorar o sistema de recolha, estabelecendo o melhor planeamento ao nível da distribuição dos contentores, refere a nota da Associação de Munícipios da Ilha do Pico.
A caracterização em curso permite igualmente perceber se há ou não contaminação no processo de deposição dos resíduos recicláveis (vidro, plástico e papel/cartão), ou seja, se o munícipe coloca os resíduos no contentor correto.
Esta avaliação possibilita por outro lado delinear a estratégia de comunicação junto do munícipe, determinando se é necessário avançar com campanhas de sensibilização sobre a correta separação dos resíduos.
Além disso, a partir dos resultados obtidos, é possível estimar, com maior rigor, o tempo de vida útil do aterro sanitário e definir atempadamente novas estratégias e tecnologias de eliminação das componentes dos resíduos sólidos urbanos que não são passíveis de ser reciclados ou valorizados.
 

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker

Revista Pub açorianissima