5 de agosto de 2020

Presidente da Edilidade quer perpetuar a história

Câmara inicia procedimentos para candidatar baía da Horta à UNESCO

No dia em que foi apresentado o monobloco que foi montado no Terminal Marítimo da Horta José Leonardo Silva, Presidente da Câmara Municipal da Horta revelou que a autarquia iniciou os procedimentos tendo em vista a candidatura da Baía da Horta a Património da Unesco.
“Por toda a importância que a Baía da Horta teve na história do Faial e dos Açores, de que são evidência, a título de exemplo, a travessia dos primeiros transatlânticos do Oceano Atlântico, o Ciclo da Laranja, as baleeiras, entre outros episódios marcantes, demos início aos procedimentos para  candidatar a baía da Horta a património da Unesco, procurando assim, qualificar ainda mais os nossos lugares”, anunciou José Leonardo Silva que considera que esta é mais uma forma de perpetuar a nossa história.
“Temos vindo a apostar numa imagem mais moderna da cidade da Horta, por forma também a acompanhar a evolução dos tempos. Fizemos uma aposta nos Leds como forma de divulgação das nossas actividades. É este o caminho que temos de seguir”, afirmou José Leonardo Silva que se referiu ainda à requalificação do Largo D. Luís I, no adro da Igreja das Angústias, do Largo do Infante e à Frente Mar como mecanismos de promoção do Faial.

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker

Revista Pub açorianissima