HPTV começou por ser uma brincadeira, mas agora é um caso sério…

Pedro Jorge Cabral: Professor de Educação Física lançou site de desporto que está nas competições europeias de hóquei

A qualidade das imagens transmitidas permitiram à HPTV voltar a receber o convite para transmitir o evento nos anos de 2021 e 2023. No dia 12 de Setembro, a HPTV irá produzir para a CERS TV a transmissão do sorteio das competições europeias desta época, alguns jogos da Primeira Divisão de hóquei em patins, muitos da 2.ª e 3.ª divisões e ainda outras transmissões, nas quais por vezes são utilizadas 12 câmaras com oito delas a gravar para repetições instantâneas.
Pedro Jorge Nunes Cabral é uma figura incontornável do hóquei em patins, não só como jogador, mas também como treinador e dirigente desportivo ligado à modalidade, que conheceu grandes jornadas no rinque Margarida Cabral, em tempos afecto ao Clube União Sportiva.
Pedro Jorge Cabral é professor de Educação Física desde 1980, leccionando na Escola Domingos Rebelo em Ponta Delgada, desde 1982.

Uma vida ligada ao desporto 
e ao hóquei em patins em particular

 “Desde os 4 anos de idade que fazia hóquei em patins, motivado pelas noitadas do rinque Margarida Cabral, enquanto o meu pai ia para a cervejaria Melo Abreu, que ficava mesmo em frente. Pratiquei sem interrupção até à saída para a Universidade, que fiz em Lisboa, na Faculdade de Motricidade Humana. Quando voltei a Ponta Delgada, por volta de 1980, retomei a prática da modalidade até ao dia em que comecei a treinar… Entretanto, já antes, em 1986, fui nomeado Coordenador de Patinagem da Região Autónoma dos Açores, cargo que ocupei até 2005. Neste cargo tive a responsabilidade, durante todos aqueles anos, de escolher e treinar os jogadores para as selecções açorianas que durante aquele período participou nos Torneios Inter-Regiões para selecções de todas as regiões de Portugal formadas por jogadores até aos 15 anos. Em 1988 comecei o meu percurso de treinador de equipas seniores após um período em que muitos jogadores do União Sportiva, onde jogava, terem decidido abandonar o clube. Recebi, então, um convite do chefe da secção de hóquei em patins para formar nova equipa, face à debandada geral do plantel, o que iniciei de imediato contactando diversos jogadores juvenis que tinham passado por mim nas selecções regionais. No entanto, os jogadores que tinham decidido abandonar o União Sportiva acabaram por ficar e como eu já tinha formado uma equipa com jogadores juvenis, decidi abandonar o projecto e contactar o Micaelense Futebol Clube, no sentido de reactivar a secção de hóquei em patins, entretanto encerrada há alguns anos, o que fizemos com algum sucesso, porque três anos depois fomos campeões açorianos da modalidade, no escalão sénior, com uma equipa composta somente por jogadores juvenis e juniores. Desta equipa faziam parte jogadores que ainda hoje (ou até há pouco tempo) praticam a modalidade, tais como Tony Furtado, Emanuel e Pedro Jorge Mestre, Nuno Melo, Pedro Sousa, Pedro Nascimento Cabral, Herberto Resendes, Pedro Jorge Pimentel e Rui Jorge Cabral. Participamos no ano seguinte no Campeonato Nacional da Terceira Divisão com a ajuda de mais 3 jogadores, Marco Resendes, Paulo Reis e Jaime Maia Cabral, entretanto falecido. Fui depois treinador do Clube União Micaelense durante 20 anos, período durante o qual venci mais de 80 campeonatos regionais de diversos escalões, desde infantis a seniores, e no qual conseguimos também, após várias tentativas em que ficamos em 3.º e 2.º lugar, subir à 2.ª Divisão Nacional somente com jogadores nascidos em S. Miguel. Há cerca de 5 anos, muito decepcionado com algumas pessoas da modalidade em São Miguel tomei a decisão de deixar o treino”.

Um site que é uma espécie de Bíblia…

Entretanto, o nosso interlocutor, de 61 anos idade, revela que a sua página na internet ‘hóqueipatins.pt’ não é mais do que uma simples página de campeonatos, resultados e classificações, mas atingiu uma qualidade e alcance que não previa inicialmente e é agora inclusive considerada como uma espécie de Bíblia da modalidade. “Sim, o ‘hoqueipatins.pt’, como alguns já o denominaram, é uma “pequena” Bíblia do hóquei em patins por ter um espólio de informação que vem já desde 1988, tendo começado com o site da Associação de Patinagem de Ponta Delgada (appd_online), passando depois a ‘uniaomicaelense.com’, mais tarde a ‘cumhoquei.com’, ‘hoqueipatins.com’ e finalmente ‘hoqueipatins.pt’. Inicialmente tratei da informação regional, mas depois com a participação nacional passei a tratar também a informação das equipas açorianas participantes nos nacionais. Lembro-me que em qualquer pavilhão em que jogávamos havia sempre uma folha com resultados, classificação e goleadores extraída precisamente do meu site, o que me deixava muito orgulhoso pelo alcance e aceitação entretanto atingidos. Com o incremento da procura foi-me «sugerido» tratar de todas as competições, o que, gradualmente veio a acontecer até 2005, ano em que o site passou a incluir toda a informação sobre todas as competições nacionais da modalidade, desde os infantis até seniores. A partir de 2009 passei também a fazer o tratamento das mais importantes ligas europeias, nomeadamente as de Espanha, Itália, França, Alemanha e Suíça. A grande vantagem de consultar a nossa página é que os visitantes obtêm toda a informação acerca de todos os jogos nacionais e internacionais realizados em cada semana, e em muitos deles com informação ao minuto de resultados, marcadores, classificações e estatísticas”.
 

Transmissões com a melhor qualidade incluindo grafismo e estatística completa

Para além de Pedro Jorge Cabral, surgem ainda mais dois elementos neste projecto, Bruno Soares e Nuno Cabral, que ajuda sempre que pode “e quando o Bruno não pode ser dispensado do serviço”.
Entretanto, e sempre ligado ao hóquei em patins, mas não só, surge um projecto diferente e mais arrojado, nomeadamente a HPTV, na qual os percursores e ainda únicos elementos do projecto são, para além de Pedro Jorge Cabral, o Bruno Soares, elemento preponderante no sucesso da TV, juntando-se ainda a eles o Nuno Cabral, seu filho, que “ajuda-me sempre que pode e quando o Bruno não pode ser dispensado do serviço. Para além disso contamos sempre com muitos «cameramen» amadores que se juntam a nós em cada evento que transmitimos. A HPTV começou por ser uma brincadeira mas, depois de passarmos para a alta definição, procuramos a melhor qualidade possível que o (pouco) dinheiro que eu podia disponibilizar do meu ordenado mensal (advindo da minha profissão de professor) permitia. Chegamos finalmente, após muitos eventos, a produtores oficiais de eventos do Comité Europeu de Hóquei em Patins, função que nos obriga a transmitir todos os campeonatos europeus de Sub-17, Sub-20 e Seniores femininos. Já transmitimos cerca de 12 grandes eventos que duram uma semana sensivelmente, mas o nosso maior projecto foi a transmissão da Coupe Des Nations (Torneio de Montreux) na Suíça, uma das mais importantes competições europeias do hóquei em patins, só suplantado pelos campeonatos europeus e mundiais. O Torneio de Montreux realiza-se de 2 em 2 anos e serve de preparação para o Campeonato do Mundo para as mais importantes selecções, tais como Portugal, Espanha, Itália, França, Alemanha, Suíça e ainda com a selecção de Angola e o clube organizador, o Montreux HC. Estamos já convidados a transmitir o evento nos anos de 2021 e 2023. Com a HPTV fizemos já produção de diversos eventos tais como os Torneios Açorianos de hóquei em patins, os Torneios Inter-Regiões da Federação de Patinagem de Portugal dos últimos 6 anos (o maior torneio nacional para o escalão Sub-15), o Torneio do Pauleta em Futebol, o Basquetebol feminino do União Sportiva, entre outros.”

Grandes eventos 
com as melhores imagens

Pedro Jorge Cabral revela-nos ainda que grandes eventos serão transmitidos a curto e a médio prazo, sendo que “para já, a 12 de Setembro”, a HPTV irá “transmitir o sorteio das competições europeias desta época”. Depois, surge “um projecto com a Federação de Patinagem de Portugal que implica a transmissão de jogos com periodicidade quinzenal, durante toda a época. Temos ainda os Campeonatos Europeus a partir de Agosto próximo e o Torneio Inter-Regiões desta época… Em Abril poderemos ainda ter o Torneio de Montreux 2021, se a Covid permitir e o convite se mantiver”.
Os jogos são transmitidos no Youtube e na rede social Facebook. Por exemplo, em jogos de maior montra, Pedro Jorge Cabral desvenda ainda com quantas câmaras são transmitidos os jogos. “Tomando como exemplo o Torneio de Montreux 2019, uma das maiores competições europeias, utilizamos 12 câmaras com oito delas a gravar para repetições instantâneas. Colocamos sempre uma câmara dentro da baliza utilizando tecnologia wireless e neste torneio específico utilizamos mais uma câmara por cima do rinque, que se movimenta num cabo de um lado para o outro, operada pelo Bruno Soares, duas câmaras centrais com cameraman, duas câmaras laterais (uma na lateral de cada área de baliza), duas câmaras atrás da baliza e acima da rede, a cerca de sete metros de altura com a ajuda de um tripé especial, duas câmaras atrás de cada banco de suplentes, uma câmara panorâmica e uma câmara que só filma o público, todas elas a emitir em directo. Para além disso, todo o grafismo e uma estatística muito completa são da nossa única autoria, Software desenvolvido por mim durante cerca de 20 anos. O Bruno Soares é o realizador, sonoplasta, vídeo-recorder, enfim, um “mestre”, e utiliza a gravação das oito câmaras destinadas a replays para, em muitos momentos, ao longo do jogo, mostrar imagens das melhores jogadas, cada uma delas de quatro ângulos diferentes”.

Muitas transmissões 
em carteira

Acerca do sorteio das principais ligas europeias de hóquei em patins, que a HPTV irá assegurar no próximo dia 12, Pedro Jorge Cabral explica como vai ser. “Pela primeira vez o evento está programado em função da transmissão televisiva… Em anos anteriores, não tinha em atenção a transmissão televisiva e tornava-se muito difícil produzir porque o sorteio era tão rápido que nos falhava muita coisa. Esta época, com a nova direcção do World Skate Europe Rink Hockey, foi possível antecipar o decorrer do evento havendo assim uma coordenação com o próprio sorteio em si, de forma a que o ritmo do sorteio é determinado pelo Bruno Soares, realizador. Espero que desta vez corra tudo muito melhor”, deseja.
Questionado se a HPTV irá transmitir o Europeu de Seniores Femininos, Pedro Jorge Cabral responde positivamente, “a exemplo do que foi feito na época passada na Mealhada, em que Portugal foi o vencedor”.
Mais ainda, em relação aos jogos da Primeira Divisão, Pedro Jorge Cabral diz que “o que está previsto, na sequência de um projecto que a FPP nos pediu para delinear, é que todos os jogos da Primeira Divisão tenham transmissões em directo, mas que cada clube trate da logística e do próprio evento… Nós só iremos transmitir os jogos em que haja previsão de que o clube em causa não o consiga fazer e, neste caso, nós poderemos apoiar com formação todos aqueles que o solicitarem à Federação Portuguesa e até mesmo produzir a transmissão de qualquer jogo em que o clube não o consiga fazer. A nossa principal actividade, esta época, na relação com a Federação de Patinagem de Portugal terá a ver com a transmissão de diversos jogos dos campeonatos nacionais da 2.ª e 3.ª divisões e ainda do Torneio Inter-Regiões 2021”.

 

Print

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker

Revista Pub açorianissima