Homem condenado a pena de 18 anos de prisão pela prática de crimes sexuais e violação de três crianças

O Tribunal Judicial da Comarca Açores, pelo Juízo Central Cível e Criminal de Angra do Heroísmo, condenou ontem um cidadão na pena única de 18 anos de prisão pela prática de crimes sexuais, entre violação agravada e abuso sexual agravado, sobre três crianças com idades compreendidas entre os cinco e os doze anos de idade. O condenado coabitava com duas das vítimas, sendo amigo da família da outra. 
Foi ainda condenado na pena de proibição de exercício de profissão, emprego, funções ou actividades, públicas ou privadas, que envolva contacto regular com menores, na pena de proibição de assunção de confiança de menor, em especial adopção, tutela, curatela, acolhimento familiar, apadrinhamento civil, entrega ou guarda de menores, ficando ainda inibido de exercício de responsabilidades parentais. 
Por fim, foi, condenado a pagar, aos menores, quantias pecuniárias a título de compensações cível.
Esta pena é única e exemplar a nível nacional.


 

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker

Revista Pub açorianissima