Proibidas visitas a lares a partir do dia 9

Secundária da Ribeira Grande encerra temporariamente devido à Covid-19

Decorrentes das 1.485 análises realizadas nos dois laboratórios de referência da Região nas últimas 24 horas, a Autoridade de Saúde Regional informou que, foram diagnosticados 16 casos positivos de Covid19, sendo 13 na ilha de São Miguel, dois na ilha de São Jorge e um na ilha do Faial.
Assim, no âmbito do rastreio à chegada à Região, foram detetados cinco casos positivos, todos provenientes de ligação aérea com território continental português, dos quais três na ilha de São Miguel, um na ilha de São Jorge e um na ilha do Faial.
Na ilha de São Miguel, dois casos foram diagnosticados através de teste de despiste à SARS-CoV-2 realizado à chegada, correspondendo a um indivíduo do sexo feminino, de 24 anos, residente na Região, e um indivíduo do sexo masculino, de 41 anos, não residente.
Foi ainda diagnosticado um indivíduo do sexo masculino, de 43 anos de idade, residente na Região, que realizou teste de despiste ao SARS-CoV-2 à chegada com resultado negativo e obteve resultado positivo no teste efectuado após o sexto dia.
Na ilha de São Jorge, foi diagnosticado um indivíduo do sexo masculino, de 25 anos de idade, não residente na Região, proveniente de ligação aérea com território continental, que realizou teste de despiste ao SARS-CoV-2 à chegada com resultado negativo e obteve resultado positivo no teste efectuado após o sexto dia.
Na ilha do Faial, foi detectado um caso positivo, através de teste de despiste ao SARS-CoV-2 realizado à chegada ao arquipélago, referente a um indivíduo do sexo masculino, de 45 anos, não residente na Região e proveniente de ligação aérea com território continental.
No âmbito das cadeias de transmissão em investigação epidemiológica na ilha de São Miguel, foram identificados 11 casos, dos quais 10 na ilha de São Miguel e um na ilha de São Jorge.
Assim, foram detectados dois indivíduos do sexo feminino, de 8 e 27 anos, e quatro indivíduos do sexo masculino, com idades compreendidas entre 18 e 62 anos, tendo a Autoridade de Saúde Concelhia determinado o encerramento temporário de um estabelecimento de ensino no concelho da Ribeira Grande.
No contexto da investigação epidemiológica relacionada com um estabelecimento de diversão em Ponta Delgada, foram diagnosticados três casos positivos na ilha de São Miguel, que se reportam a indivíduos do sexo masculino, com idades compreendidas entre 36 e 66 anos, e um caso positivo na ilha de São Jorge, correspondendo a um indivíduo do sexo feminino, de 24 anos.
Foi ainda diagnosticado, na ilha de São Miguel, um indivíduo do sexo masculino, de 61 anos de idade, contacto próximo de outro caso anteriormente reportado.
Acresce referir que, cumprindo os critérios de recuperação em território continental, saíram da Região dois indivíduos do sexo masculino, de 26 e 34 anos, um da ilha Terceira e outro da ilha de São Miguel.
Assim, até ao momento, foram detectados na Região 457 casos de infecção pelo novo coronavírus SARS-CoV-2, que causa a doença COVID-19, verificando-se actualmente 241 casos recuperados e 135 casos positivos activos, dos quais 107 na ilha de São Miguel, 14 na ilha Terceira, um na ilha Graciosa, dois na ilha de São Jorge, seis na ilha do Pico, três na ilha do Faial, um na ilha de Santa Maria e um na ilha das Flores.
As medidas de prevenção e contenção da pandemia devem ser mantidas e reforçadas, sempre que possível, por cidadãos e organizações públicas, privadas e do sector social.

Proibidas visitas a lares e suspensos convívios

Tendo em conta o número de casos de Covid-19 nos Açores, e perante a evolução a nível internacional e nacional, com a declaração do estado de emergência para todo o território nacional, e ainda tendo em conta as ligações aéreas do exterior às ilhas de Santa Maria, São Miguel, Terceira, Pico e Faial, o Governo decidiu que se passa a justificar a prorrogação da declaração da situação de calamidade pública nestas ilhas, bem como a passagem da declaração de situação de alerta para situação de contingência nas ilhas Graciosa, São Jorge, Flores e Corvo.       Face a esta situação, o Governo dos Açores, em reunião extraordinária do Conselho do Governo realizada no dia 6, por videoconferência, decidiu, entre outras medidas, determinar para todo o arquipélago, e para vigorar no período entre as 00:00 horas de 9 de novembro e as 24:00 horas de 30 de novembro, o encerramento de estabelecimentos de bebidas e similares, com espaços de dança; encerramento, a partir das 22:00 horas, dos bares e outros estabelecimentos de bebidas, com ou sem espectáculo, com ou sem serviço de esplanada, assim como a partir das 22:00 horas, e até às 06:00 horas do dia seguinte, os postos de abastecimento de combustíveis podem manter o respectivo funcionamento, exclusivamente para efeitos de venda ao público de combustíveis e abastecimento de veículos; encerramento dos Centros de Convívio e suspensão de visitas a utentes de Estruturas Residenciais para Idosos, salvo situações excepcionais, com limitação a um visitante, em horário restrito, e desde que observadas as regras definidas pela Autoridade de Saúde Regional, e ainda recomendar que, até à obtenção do resultado do teste de despiste ao SARS-COV-2 realizado ao 6.º dia, os passageiros que desembarquem na Região devem limitar as deslocações ao essencial e cumprir as regras de uso de máscara, de distanciamento físico e de etiqueta respiratória definidas pela Autoridade de Saúde Regional.

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker

Revista Pub açorianissima