15 de novembro de 2020

Opinião -Dos Ginetes

A Nossa Secção dos Bombeiros está de volta

Uma excelente notícia para as populações das freguesias situadas entre Feteiras e Bretanha o “regresso permanente” da Secção Destacada de Ginetes dos Bombeiros Voluntários de Ponta Delgada..
Todos os que têm seguido nos últimos anos as minhas crónicas sabem perfeitamente o quanto tentei me “fazer ouvir” através deste espaço semanal que me é facultado pelo Jornal Correio dos Açores sobre esta Instituição que sempre admirámos graças ao excelente serviço prestado a esta gente mas por razões que não vou descrever nem argumentar porque fazem parte do passado, a determinado momento deixou de estar “menos presente” o que gerou alguma intranquilidade. Felizmente que parte dos problemas foram solucionados graças ao empenho dos responsáveis, neste caso o Presidente da Direcção da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Ponta Delgada, João Paulo Medeiros e  o Comandante Nuno Barbosa que segundo fui informado teve muito mérito na resolução deste problema que veio trazer alguma tranquilidade neste tempo em que vivemos todos um pouco com os “nervos à flor da pele”. Sei que a Direcção é composta por vários membros, e segundo a minha opinião, são estes responsáveis pela administração o grande elo de ligação com o Comando desta organização composta aproximadamente por duzentas pessoas. Uns voluntários, outros efectivos, mas todos com a mesma motivação de cumprir um trabalho por vezes marcado por algum “stress”, mas que tem forçosamente ser cumprido com amor e dedicação.
Sei que nem sempre é fácil agradar a todos por igual pois quem vive distante de Ponta Delgada onde se pode obter melhores cuidados dispensados por verdadeiros profissionais da saúde esperar quinze minutos dá-nos a sensação de 1 hora. Sei por experiência própria tal como o sabe alguma desta gente quando confrontados com situações que abrangem amigos ou até um membro da família. 
Desde o início do mês de Outubro comecei a observar algum movimento no edifício que ouso chamar dos “nossos bombeiros” consciente que são uma Secção Destacada dos Bombeiros Voluntários de Ponta Delgada. Para nós o mais importante é que esteja a funcionar vinte e quatro horas por dia como é sua primordial vocação para bem de toda esta gente que vive numa zona que tem muito a lamentar-se do apoio no que respeita os cuidados de saúde.
Sobre estes vou esperar um pouco para ver, esperançado que o novo Governo dos Açores que será empossado brevemente tomará opções mais acertadas das que têm prevalecido até agora.
No passado dia 1 do corrente mês recebeu esta Secção uma nova ambulância que veio trazer a todos melhor comodidade pois penso que mesmo se nunca nos lamentámos do desconforto do transporte uma nova viatura forçosamente não é bem a mesma coisa do que outra mais antiga e com muitos quilómetros percorridos.
Na passada Segunda-feira estive um pouco à conversa com o Presidente da Direcção João Paulo Medeiros pois gosto sempre de escrever baseado em informações credíveis. Desde já quero agradecer a sua disponibilidade que rapidamente acedeu ao meu pedido. Sei que se encontra feliz porque rodeado de excelentes colaboradores e motivado com o trabalho que tem efectuado desde a tomada de posse do mandato em 30 de Dezembro de 2019, substituindo assim uma anterior Direcção liderada por outro filho desta terra, Alberto Leça, da qual também fez parte ocupando o cargo de tesoureiro o que certamente lhe valeu adquirir muita experiência que lhe será útil para exercer o seu actual mandato como grande responsável.
Muito brevemente irão ser efectuadas algumas obras de adaptação à nova realidade que faz parte da vida quotidiana dos bombeiros, pois também a presença feminina é real e direi até bastante importante em muitas situações pela sensibilidade que podem dispensar em momentos que por vezes o pânico “toma conta” de quem se encontra fragilizado. Em nada desvalorizam o excelente trabalho dos profissionais do “sexo oposto”, mas são sem dúvida uma mais valia para esta Instituição presente na nossa terra.
       Com algumas modificações no interior vai ser adaptado um espaço para camarata e instalações sanitárias para as respectivas senhoras, iluminação “led” para maior economia de energia, substituição dos actuais portões por outros “basculantes” além de “material de desencarceração” moderno que será dividido entre o Quartel principal em Ponta Delgada e a sua Secção Destacada de Ginetes.
       Poderia escrever um longo artigo de opinião pois foi com imensa satisfação que partilhei com o Presidente da Direcção, João Paulo, em que vi nos seus olhos a grande motivação que faz parte do projecto que quer ver cumprido. Cá estarei com as gentes desta zona atento e reconhecido por um trabalho que merece ser apreciado. Quando foi tempo de manifestar a minha preocupação não me escondi e fiz saber com todo o respeito o que pensava. Continuarei sempre o mesmo, senhor da minha própria opinião que ninguém está obrigado a partilhar. Hoje é com muita satisfação que dedico este espaço a esta maravilhosa e indispensável Instituição que não podemos perder.
 Quando as pessoas se permitem dialogar com o maior respeito encontram sempre uma solução para um final feliz. Neste tempo, mesmo se difícil para muita gente, estamos de parabéns. Obrigado aos homens e mulheres que compõem esta grande família que forma a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Ponta Delgada da qual depende a Secção Destacada de Ginetes. 

Alberto Ponte

Print

Categorias: Opinião

Tags:

Theme picker

Revista Pub açorianissima