Cerca sanitária à Vila de Rabo de Peixe termina mas Covid-19 deixa encerradas escolas, ATLS e centros de dia

A cerca sanitária a Rabo de Peixe terminou às 23h59 de domingo. Depois de um processo de rastreamento em massa, que decorreu com grande normalidade, e mais de sete mil pessoas compareceram, o balanço feito pelas autoridades é positivo. No entanto, os testes a contactos de risco continuaram e os números, depois de acalmia, voltaram a subir o que levou a que a Secretaria Regional da Educação e a Secretaria Regional da Saúde e Desporto determinasse, em conjunto, a manutenção do encerramento dos estabelecimentos de ensino da vila de Rabo de Peixe, concelho da Ribeira Grande, até ao final do corrente período lectivo.
Apesar da identificação de novos casos positivos em Rabo de Peixe, os mesmos encontravam-se a cumprir isolamento, pelo que o risco de transmissão em meio escolar se encontra diminuído, refere uma nota publicada no GaCS.
Pelo facto de os estabelecimentos de ensino da localidade estarem encerrados, num caso, desde 16 de novembro e, noutros casos, desde a vigência da cerca sanitária determinada para a vila de Rabo de Peixe, os critérios epidemiológicos, definidos pela Autoridade Regional de Saúde, poderiam levar à reabertura dos mesmos na próxima segunda-feira.
Porém, como tem sido assumido pelo Governo Regional dos Açores, todas as decisões devem ser as necessárias e as adequadas a cada local e a cada tempo, de acordo com a avaliação, próxima, presente e permanente, das diversas entidades envolvidas.
A medida é também justificada pelo facto de faltarem cinco dias para o final do ano letivo, e dada a excecionalidade da situação.
As duas secretarias regionais destacam que a situação epidemiológica relativa à Covid-19, na vila de Rabo de Peixe, levou à determinação de um conjunto de medidas que têm sido levadas a cabo pelas autoridades de saúde, em conjunto com diversas entidades e, sobretudo, “com o elevado empenhamento cívico da população local.”
A evolução da situação tem ocorrido de acordo com os níveis previstos e sido acompanhada em permanência pelas autoridades responsáveis.
O Governo Regional reitera ainda o compromisso de defesa intransigente das medidas exigíveis na defesa da saúde pública dos açorianos, agradecendo, ao mesmo tempo, a “compreensão de toda a população escolar e respectivas famílias e o elevado sentido de responsabilidade demonstrado em tão exigente momento da nossa vida colectiva”, lê-se na mesma nota. Ao fim da tarde, a Vice-Presidência do Governo e a Secretaria Regional da Saúde e do Desporto determinaram, em conjunto, a manutenção do encerramento das valências de creches, jardins de infância, ateliers de tempos livres e centros de dia das instituições particulares de solidariedade social da Vila de Rabo de Peixe, até à próxima sexta-feira, dia 18 de dezembro de 2020.
A evolução da situação epidemiológica relativa à Covid-19, na Vila de Rabo de Peixe, está a ser acompanhada em permanência pelas autoridades regionais, por isso qualquer medida a adoptar terá em consideração a avaliação das diversas entidades envolvidas. Nesse sentido, o Governo Regional volta a reiterar o compromisso de defesa intransigente da saúde pública dos açorianos, agradecendo a compreensão e a responsabilidade de toda a população, refere o executivo na mesma nota.

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker

Revista Pub açorianissima