15 de dezembro de 2020

Detido pela Judiciária em São Miguel

Padrasto abusou sexualmente da enteada e filmou os actos sexuais depois de a desinibir com droga

 A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal dos Açores, identificou e deteve, em São Miguel, um homem de 44 anos, por fortes indícios da prática de dois crimes de abuso sexual de menores dependentes, de um crime de pornografia de menores e outro de incitamento ao uso de estupefacientes, vitimando uma adolescente com 15 anos de idade.
Os factos ocorreram em contexto de coabitação, em que o detido, padrasto da vítima, começou por partilhar com esta substâncias estupefacientes, com o propósito de a desinibir, para depois a submeter a actos sexuais de relevo.
Na pesquisa informática realizada ao telemóvel do arguido foram encontrados ficheiros com imagens pornográficas da vítima, obtidas durante os abusos sexuais. O detido foi presente a primeiro interrogatório judicial, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de proibição de contactos com a vítima.
 

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker

Revista Pub açorianissima