Pescadores açorianos perdem um milhão de euros em Janeiro comparando com 2020

Armadores e pescadores açorianos perderam um milhão de euros em Janeiro em relação a igual mês do ano passado, revelam dados divulgados pelo Serviço Regional de Estatística.
De facto, durante o primeiro mês do ano de 2020 tinham sido pescados 375.529 quilos de pescado no valor de 2.004.065 euros, registando-se uma quebra de 47,9% para o mesmo mês do ano passado: 195.426 quilos de peixe, no valor de 1.043.213 euros.
 Esta quebra nas capturas de pescado em Janeiro deste ano deveu-se, sobretudo, à pandemia provocada pelo Covid-19, mas também por, este ano, as condições meteorológicas estarem menos favoráveis para a faina da pesca.
Por razões diversas já se tinha registado uma quebra no volume de pescado de 2019 (459.872 quilos no valor de 2.669.984 euros) para 2020 (375.529 quilos no valor de 2.004.065 euros).
Feitas as contas, no espaço de dois anos, armadores e pescadores açorianos perdem à volta de 1,6 milhões de euros de pescado.
A quebra no pescado é ainda mais notória se compararmos Janeiro de 2019, (em que se pescou 459.872 quilos de peixe no valor de 2.669.984 euros) com o mês de janeiro de 2021 (195.426 quilos de pescado no valor de 1.043.213). Verifica-se entre os dois anos uma quebra no pescado capturado na ordem dos 57,5%

 

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker

Revista Pub açorianissima