O exemplo de vida da Rainha Santa em conferência no Instituto Cultural

O Instituto Cultural de Ponta Delgada promove hoje, dia 18 de Maio, às 21h00, a conferência “O exemplo de vida da Rainha Santa”, por António Manuel Ribeiro Rebelo. D. Isabel de Aragão (1270 - 1336) foi uma mulher de extraordinárias qualidades e virtudes. A sua modéstia e humildade, a sua devoção e piedade, a sua bondade e compaixão, o seu amor e dedicação aos outros, a quem considerava seus irmãos em Cristo, conquistaram a simpatia de todos quantos com ela conviveram e granjearam-lhe o respeito de reis, nobres, religiosos e religiosas, sobretudo do povo, muito particularmente dos doentes, dos inválidos, dos indefesos, das jovens extraviadas, dos excluídos da sociedade, dos oprimidos, dos mais necessitados. Em todos eles via a imagem de Cristo e a todos distribuía amor nas múltiplas facetas em que o amor cristão se consegue desdobrar e exprimir. E fazia-o incondicionalmente, sem excluir ninguém, nem mesmo os frutos dos amores ilícitos de seu real esposo, que acolhia, acarinhava e criava como se fossem seus próprios filhos. Mulher profundamente piedosa, acarinhou várias devoções, entre as quais avulta a que consagrou ao Espírito Santo e tanta repercussão teve pelo mundo. Grande promotora da paz e da concórdia entre famílias e povos desavindos, D. Isabel gravou o seu nome nas páginas de ouro da História de Portugal, acrescido do epíteto de Rainha Santa, que lhe é exclusivo. Morreu em Estremoz no dia 4 de Julho de 1336 tentando mediar a paz entre seu filho e seu neto. Quase sete séculos depois, o seu exemplo de vida continua a inspirar as gerações modernas, porque o amor genuíno é intemporal e está cada vez mais presente nos actuais apelos dos mais carenciados, tanto de bens materiais, como espirituais. António Manuel Ribeiro Rebelo é professor associado da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra. Licenciado em Línguas e Literaturas Clássicas, mestre em Literatura Grega e doutorado em Literatura Latina Medieval, é docente na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra e investigador do Centro de Estudos Clássicos e Humanísticos. É membro de várias sociedades académicas e científicas, nacionais e internacionais. Assumiu também variados cargos na sociedade civil e em associações e movimentos religiosos, entre os quais o de Presidente da Confraria da Rainha Santa Isabel.
Print

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker

Revista Pub açorianissima