28 de março de 2018

Marítimo sofreu 16 golos num jogo

A equipa de hóquei em patins do Marítimo teve uma tarde desastrosa no jogo em Lisboa com o Sporting “B”, para a 17.ª jornada da zona Sul da 2.ª divisão nacional. Sofreu 16 golos de uma equipa que está uma posição acima na tabela classificativa e com mais 3 pontos (10.º). Nunca, em 125 jogos na 2.ª divisão durante quatro anos e meio, o Marítimo sofreu tantos golos num único jogo. O máximo de golos sofrido foi 12, em Sintra, com o Nafarros, há cerca de 3 anos (ver quadro em anexo). Dez ou mais golos só aconteceram em 9 desafios. Com os 16 golos consentidos, a equipa da ilha de São Miguel passou a dispor da segunda defesa mais batida da zona Sul (87 golos), só ultrapassado pelo Alcobacense, com 94 golos sofridos. A derrota foi por 16-5. Ao intervalo o Marítimo perdia por 7-2. Chegou a ter 5 golos consentidos e nenhum marcado nos 10 minutos iniciais. Na segunda parte o Sporting “B” atingiu os 15-2 aos 20 minutos deste período. A equipa de Ponta Delgada marcou 3 golos nos últimos 4 minutos. Pedro Soares (tem 31 golos e mantém-se no 2.º lugar dos melhores marcadores da zona Sul) e o juvenil Alexandre Resendes marcaram 2 golos cada e Júlio Soares apontou 1. Como o Candelária venceu, a margem do Marítimo para o primeiro lugar de descida reduziu para 5 pontos. Sábado o Marítimo joga no pavilhão do líder Oeiras e a equipa do Pico joga no campo do Parede. Resultados da 17.ª jornada: Sporting “B”-Marítimo, 16-5; Candelária-Boliqueime, 4-2; Salesiana-Oeiras, 2-2; Física-Benfica “B”, 4-2; Alcobacense-Sp. Marinhense, 4-5; Alenquer-Parede, 4-4 e Tigres-Hóquei Sintra, 5-7. Classificação: 1.º Oeiras, 39 pts; 2.º Benfica “B”, 38; 3.º Sporting Marinhense, 36; 4.ºs Parede e Juv. Salesiana, 32; 7.º Tigres Almeirim (mais 1 jogo), 27; 8.º Física Torres Vedras, 25; 9.º Hóquei de Sintra, 24; 10.º Sporting “B” (mais 1 jogo), 22; 11.º Marítimo, 19; 12.º Candelária, 14; 13.º Alcobacense, 6 e 14.º Boliqueime, 4 pts. AÇORES EM ÚLTIMO A selecção dos Açores de sub-15 anos de hóquei em patins ficou em 11.º e último lugar na 42.ª edição do torneio Inter Regiões que decorreu durante 4 dias em Bragança. Nos 7 jogos realizados, os jovens açorianos empataram um e perderam os restantes. Apontaram 4 golos e sofreram 65. Na fase de grupos a equipa açoriana perdeu com o Minho por 12-0, com o Porto por 19-0, com Leiria por 8-1 e com o Ribatejo por 15-0. O empate foi a 1 golo com a selecção da Madeira. As duas equipas últimas classificadas do grupo “A” (Madeira e Açores) juntaram-se à de Aveiro, última do grupo “B” (que teve menos um clube). Os Açores perderam com a Madeira por 5-2 e com Aveiro por 5-0. Aveiro ganhou por 5-1 à Madeira. Deste modo, Aveiro foi 9.º, Madeira 10.º e Açores 11.º. Na época passada, no Inter Regiões realizado na Mealhada, os Açores ganharam à Madeira por 4-1. Goleadas sofridas pelo Marítimo 2013/14 10-6 Alcobacense (fora) - 9.ª jornada (30/11/13) 2014/15 12-5 Salesiana (fora) - 6.ª jornada (25/10/14) 11-1 Benfica “B” (fora) - 10.ª jornada (22/11/14) 11-3 Sp. Tomar (fora) - 20.ª jornada (28/02/15) 12-3 Nafarros (fora) - 22.ª jornada (21/01/15) 1-10 Benfica “B” (casa) - 25.ª jornada (18/04/15) 2015/16 5-10 Campo Ourique (casa) 8.ª jornada (21/11/15) 2016/17 3-11 Salesiana (casa) - 24.ª jornada (20/05/17) 2017/18 16-5 Sporting “B” (fora) - 17.ª jornada (24-03/18)
Print

Categorias: Desporto

Tags:

Theme picker

Revista Pub açorianissima