7 de março de 2018

Bernardo não tem apoio para já

A substituição de Ruben Rodrigues pelo madeirense Bernardo Sousa tem originado muitos comentários nas redes sociais, a maioria de descontentamento e penalizando a atitude da Fábrica de Tabaco Micaelense. Outras críticas e afirmações são relacionadas com o apoio que é concedido anualmente pela Direcção Regional de Turismo ao campeão dos Açores de ralis para promover a Região com a participação no Campeonato de Portugal de Ralis. Um montante que nos últimos anos é de 64 013,50 euros. Discordam de não ser atribuído a um açoriano. A regulamentação para o campeão regional de ralis foi alterada quando Fernando Peres passou a competir nas provas regionais e ganhou o título entre 2005 e 2007, sendo, por isso, subsidiado. As muitas críticas surgidas na altura originaram uma alteração ao decreto-lei que rege o apoio específico ao vencedor do campeonato de ralis dos Açores. Com a regulamentação em vigor há cerca de 7 anos, Bernardo Sousa só após 3 anos de participação no “Regional” de ralis pode receber o apoio. Para esclarecer e informar quem não está por dentro do que está regulamentado, eis o que está determinado: “g) Na modalidade de automobilismo, será celebrado contrato com a associação desportiva, com sede nos Açores, que organize a competição automobilística regional com maior notoriedade e com o piloto que, cumulativamente:  i) participe em provas do campeonato nacional de ralis ou em provas internacionais reconhecidas pela Federação Internacional de Automobilismo; ii) seja o campeão de ralis dos Acçores do ano anterior ao ano do contrato;   iii) participe em ralis do campeonato de ralis dos Açores há pelo menos três anos ou épocas consecutivas.” Recorde-se que os apoios para o que é designado “Palavra Açores” acontecem por se considerarem as modalidades de futebol, basquetebol, voleibol, andebol, hóquei em patins, ténis de mesa e automobilismo, quando praticadas ao mais alto nível, poderem contribuir para a promoção externa dos Açores, já que as participações são alvo de transmissão televisiva e os artigos publicados sobre alguns dos jogos e eventos realizados no mercado nacional contribuem de forma significativa para o aumento da visibilidade do destino Açores. Como cada modalidade desportiva e o nível a que é praticada implicam graus de notoriedade diferentes, os apoios a conceder devem refletir a contribuição das diferentes actividades desportivas para a notoriedade da Região Autónoma dos Açores no exterior.
Print

Categorias: Desporto

Tags:

Theme picker