1 de fevereiro de 2018

Judiciária apreende cerca de 14 quilos de pólen de haxixe e heroína e os dois suspeitos ficam em prisão preventiva

A Polícia Judiciária revelou ontem que através do Departamento de Investigação Criminal de Ponta Delgada, no âmbito de uma acção desenvolvida conjuntamente com a GNR, através da sua equipa cinotécnica, deteve um homem na posse de cerca de 14 Kgrs. de pólen de haxixe e 260 gramas de heroína. A operação decorreu no concelho de Ponta Delgada e a investigação efeCtuada, que incluiu realização de buscas domiciliárias, propiciou a identificação de outro homem, presumível destinatário do estupefaciente, o qual é familiar do primeiro detido e se encontrava sujeito à medida coaCtiva de prisão domiciliária por factos de idêntica natureza. Para além estupefaciente apreendido, suficiente para cerca de vinte e oito mil doses individuais de pólen de haxixe e duas mil e seiscentas de heroína, foram também apreendidos cerca de quinhentos euros em dinheiro, um veículo automóvel, equipamentos de comunicações e outros elementos de grande relevância probatória. Os suspeitos, de 34 e 50 anos de idade, um deles já com antecedentes criminais pelo mesmo tipo de crime, foram sujeitos a primeiro interrogatório judicial, tendo-lhes sido aplicada a medida coactiva de prisão preventiva.
Print

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker

Revista Pub açorianissima