Edit Template

Secundária da Ribeira Grande “permite uma formação de excelência ao nível do ensino,”afirmou o director, Ricardo Gonçalves

A Escola Secundária da Ribeira celebrou ontem 50 anos de existência. Na cerimónia de aniversário, o Presidente do Governo dos Açores, José Manuel Bolieiro, considerou a Educação como “um verdadeiro elevador social” e considerou que os Açores “só se desenvolvem com uma população educada, formada e preparada para os desafios não só da nossa terra como da globalização.” Estiveram presentes na cerimónia a Secretária da Educação e Assuntos Culturais, Sofia Ribeiro, o Bispo de Angra, D. Armando Domingues e o Presidente da Câmara da Ribeira Grande, Alexandre Gaudêncio, além dos responsáveis pela escola.

A cerimónia começou com o hastear das bandeiras na presença dos representantes do Governo dos Açores e dos dirigentes da Escola Secundária. O Bispo D. Armando Domingues abençoou a escola e manifestou a sua “alegria ao juntar-me à celebração. A escola é o lugar onde se cresce para a cidadania, mas só se cresce na medida em que se conhece e se compreende. Nós que vivemos num tempo agora tão interessante no desafio à democracia que é o voto. Nós não podemos decidir bem senão conhecermos e não compreendermos.”
D. Armando Domingues deixou, antes de abençoar toda a escola, um desejo para o ano novo que se iniciou: “Fica para mim e para todos nós este desejo renovado de conhecer e de compreender para melhor decidir e construir. 50 anos é muita história. É para mim a oportunidade de saudar todos os que fizeram parte desta história e que continuam a fazer parte dela,” conclui o Bispo.
Seguiu-se depois o descerrar de uma placa comemorativa dos 50 anos do estabelecimento de ensino por parte do Presidente do Governo, José Manuel Bolieiro.

Celebrar 50 anos “é um tributo
aos que trabalharam na escola”

Segundo declarações feitas ao Correio dos Açores pelo Presidente do Conselho Executivo da Escola Secundária da Ribeira Grande, Ricardo Gonçalves, “a celebração dos 50 anos é um tributo e um reconhecimento a todos aqueles que trabalharam a favor da escola pública para servir a comunidade ribeiragrandense.”
“Esta é uma escola aberta à comunidade que procura satisfazer as necessidades do concelho mais jovem da Região e que permite uma formação de excelência a nível do ensino secundário com múltiplas parcerias no desenvolvimento dos alunos de diferentes áreas e que têm ocupado cargos de relevo, aquele que prosseguiram estudos ou foram para o mundo do trabalho”, prosseguiu Ricardo Gonçalves.
Agradeceu ainda o “reconhecimento que o Senhor Presidente do Governo fez em relação aos profissionais de educação, nomeadamente aos professores, na medida em que o seu trabalho é fulcral e o seu empenho e dedicação faz toda a diferença destes profissionais da educação”.
“Acima de tudo foi um privilégio ter cá o Senhor Presidente do Governo dos Açores e a Senhora Secretária”, finalizou o responsável pela Escola.

Educação “é um verdadadeiro
elevador social”, dissse Bolieiro

O Presidente do Governos dos Açores, José Manuel Bolieiro, fez referência, por sua vez, ao convite para visitar uma escola secundária, a Escola Secundária da Ribeira Grande, que celebra bodas de ouro. “50 anos são os anos da democracia em Portugal e que potenciaram uma aposta na educação,”, salientou, a propósito.
“Quero por isso celebrar com os fundadores, com a comissão instaladora, com os actuais dirigentes, com os actuais professores, com os alunos e colaboradores desta escola, a relevância e importância da educação numa comunidade para o seu futuro. Os fundadores e os que hoje dão corpo e realização nesta escola estão de parabéns e eu agradeço em nome da Cidadania o trabalho que desenvolveram, porque o sucesso educativo passa muito pelos que aqui em permanência, mantêm a sua vocação de ensinar”, prosseguiu o Presidente salientando a importância que o corpo docente possuiu no sistema de ensino.
“Para aqueles que foram os alunos que passaram nesta escola, têm com certeza as melhores memórias do seu percurso educativo nesta escola secundária, como em todas as escolas secundárias dos Açores e do país. Quero, por isso deixar, como Presidente do Governo, a nota de agradecimento aos colaboradores, aos professores, às famílias, às alunas e aos alunos que passaram por todas as nossas escolas dos Açores, o contributo que dão pelo nosso desenvolvimento e pelo nosso futuro”, continuou José Manuel Bolieiro.
“É com a educação que temos o verdadeiro elevador social e os Açores só se desenvolvem com uma população educada, formada e preparada para os desafios não só da nossa terra como da globalização”, finalizou o Presidente do Governo.
A cerimónia teve a participação de um grupo coral composto por membros do corpo docente na escola e terminou com a distribuição aos alunos, professores e restantes membros de acção educativa de uma fatia do bolo comemorativo dos 50 anos.


Frederico Figueiredo

Edit Template
Notícias Recentes
Câmara da Ribeira Grande solicita activação do regime jurídico-financeiro de apoio à emergência climática
Santa Clara corre risco de perder o título de Campeão da Segunda Liga
Pedro Catarino defende “cultura de diálogo”entre República e Açores sobre gestão do mar
Ministro da Agricultura manifesta em Santarém interesse em reunir com Jorge Rita
Três deputados dos Açores com assento no Parlamento Europeu na legislatura 2024-2029
Notícia Anterior
Proxima Notícia
Copyright 2023 Correio dos Açores