Edit Template

Vasco Cordeiro diz que o Governo Regional do PS irá investir em mais creches nos Açores

Vasco Cordeiro garantiu, ontem, que “com um governo regional do PS haverá um investimento claro na criação de mais creches nos Açores.”
O candidato a Presidente do Governo Regional falava à saída de uma visita à creche ‘O Castelinho’, na cidade da Horta.
“Torna-se necessário investir na criação de novas creches, investir na criação de mais capacidade para evitar uma situação que já se verifica em algumas das nossas ilhas, de pais que têm de prescindir do seu emprego porque não têm ninguém, nem têm nenhuma estrutura de apoio onde deixar os seus filhos”, frisou o Presidente do PS/Açores.
Vasco Cordeiro assumiu o compromisso do Partido Socialista de “realizar esta aposta para o aumento da capacidade de creches” através de um “investimento na criação de novas valências e de novas disponibilidades”.
O socialista congratulou a decisão do Governo da República de atribuir creches gratuitas, considerando-a “importante e útil” e destacando que esta medida tem o seu financiamento “assegurado com verbas da Segurança Social que vêm da República”.
“Esta medida é boa, é útil, mas a Região tem de fazer a sua parte e investir em mais creches para acolher todas as crianças Açorianas, porque aquilo que se tem verificado por toda a Região é a existência de grandes listas de espera para a frequência destas valências”, sinalizou o candidato do PS a Presidente do Governo Regional.
“A falta de creches é uma das grandes necessidades que verificamos na nossa Região, na área social. É preciso aumentar a capacidade de creches nas nossas ilhas, de forma a poder apoiar os pais e incentivar a natalidade nos Açores”, acrescentou o Presidente do PS/Açores, Vasco Cordeiro.

Ampliação da pista do
aeroporto do Pico

Vasco Cordeiro defendeu Sábado que “é preciso recuperar o tempo perdido pelo Governo Regional do PSD/CDS/PPM nos últimos três anos, no que diz respeito ao processo de ampliação da pista do aeroporto do Pico”.
O candidato a Presidente do Governo Regional falava no âmbito da visita que realizou à ilha do Pico.
“No caso em concreto do projecto de ampliação do Aeroporto do Pico, o facto é que passaram três anos e nada foi feito, apesar das insistências do Partido Socialista. Nada foi feito para garantir a utilização dos fundos comunitários que estão à disposição da nossa Região para esta obra importante para a ilha e para a Região”, salientou.
Vasco Cordeiro recordou que o anterior Governo Regional, da responsabilidade do PS, “deixou concluído o estudo técnico das várias opções de ampliação, bem como das modalidades de financiamento”.
O Socialista lembrou que, em Abril do ano passado, o Governo da coligação PSD/CDS/PPM anunciou que “tinha já assinado um contrato para a elaboração do estudo prévio de ampliação desta infra-estrutura por 150 dias”, sendo que “já decorreu esse período e nada se sabe quanto a esse estudo”
O Presidente do PS/Açores destacou, por outro lado, a “estagnação do processo de recuperação da vinha da ilha do Pico”, garantindo que um Governo Regional do PS irá “recuperar o tempo perdido”.
“Os Açorianos conhecem-me e conhecem o projecto do Partido Socialista. Ao contrário deste Governo Regional do PSD/CDS/PPM, nunca deixámos nenhuma ilha para trás, aliás, entendemos que é preciso recuperar este sentido de união, de coesão e de desenvolvimento que se perderam nos últimos três anos. Os Açorianos devem recuperar a Confiança num Governo Regional ao serviço dos Açores e dos Açorianos. É também isso que está em causa no próximo dia 4 de Fevereiro”, finalizou Presidente do PS/Açores e candidato a Presidente do Governo Regional dos Açores, Vasco Cordeiro.

Edit Template
Notícias Recentes
Plano de Saúde2030 aprovado pelo Governo “garante igualdade nos resultados da saúde”
Vilafranquense regressa às Festas de São João da Vila e forma a Marcha do Emigrante com representantes dos Estados Unidos, Canadá, Bermuda e Inglaterra
Novo hotel Hilton é de “vital importância para o desenvolvimento da notoriedade internacional dos Açores”, afirma Duarte Freitas
Azeite e papo-seco foram os produtos que mais aumentaram de preço nos Açores entre Junho de 2023 e Maio de 2024
“O ioga é uma jornada profunda de auto-conhecimento”, afirma a instrutora Carolina Lino
Notícia Anterior
Proxima Notícia
Copyright 2023 Correio dos Açores