Edit Template

Curso de Iniciação ao Teatro no Cineteatro lagoense com Eleonora Marino Duarte entre 19 de Fevereiro e 19 de Março

A Câmara Municipal de Lagoa vai promover um curso de iniciação ao Teatro dinamizado por Eleonora Marino Duarte. O curso terá lugar entre os dias 19 de Fevereiro e 19 de Março no Cineteatro Lagoense Francisco d’Amaral Almeida.
Trata-se de uma iniciativa promovida pelo Serviço de Educação e Cultura da Câmara Municipal de Lagoa que tem o“intuito de ampliar o leque de actividades para ocupação de tempos livres na Lagoa, neste caso na área cultural, para a juventude e público adulto”.
O curso tem o custo de 60 euros, pagos aquando da primeira aula e destina-se a maiores de 13 anos. Terá uma carga horária de 20 horas distribuídas por 10 aulas que decorrem às Segundas e Terças-feiras, entre as 20h00 e as 22h00. Os interessados deverão inscrever-se, até ao dia 15 de Fevereiro, através do email educacaoecultura@lagoa-acores.pt.
A formadora, Eleonora Marino Duarte, “é actriz, encenadora e poeta. Nascida em 1969, no Brasil, aos 12 anos integrou a Companhia de Teatro GATIG – Grupo de Artes e Teatro da Ilha do Governador, trabalhando durante 30 anos como actriz e encenadora nessa companhia. Desde 2009, reside em Ponta Delgada, onde criou e mantém o grupo de intervenção artística «O Coletivo». Realiza apresentações mensais com o seu projecto de poesia “Entreactos entre Versos”, no Lavajazz Bar. Neste momento, dá aulas de teatro pela Fundação INATEL, no Teatro Micaelense, e trabalha no serviço sócio-educativo da Biblioteca Pública e Arquivo Regional de Ponta Delgada”.
Os dias das aulas serão a 19, 20, 26, 27 de Fevereiro e 4, 5, 11, 12, 18 e 19 de Março. Após a apresentação na primeira aula, segue-se uma aula teórica, “onde os alunos aprenderão a noção de espaço no palco e realizarão vários exercícios de dicção, de sensibilização para a memória emotiva e será entregue um texto para memorização.
Na terceira aula, a monitora ensinará, também, exercícios de improvisação a partir de estímulo musical. A quarta aula será dedicada a exercícios de sensibilização para o trabalho em equipa e improvisação a partir de história criada aos pares. A aula seguinte, haverá espaço para a improvisação com mais de um ator. Na sexta aula, os alunos recriarão uma cena por grupos. Na sétima aula, será apresentado o texto que foi pedido para ser memorizado na segunda aula. Nas aulas seguintes, farão parte do programa exercícios teatrais e realizadas dinâmicas para o texto memorizado, aquecimentos e construção do texto no contexto teatral. A última aula será para realizar a avaliação final dos alunos”.

Edit Template
Notícias Recentes
Cuidar do nosso património
Flagelo da toxicodependência, falta de habitação e o agravamento da pobreza são as maiores dificuldades que afligem as famílias da Ribeira Seca
Presidente da Assembleia destaca importância do Museu do Parlamento no 1º aniversário
Bombeiros de Ponta Delgada vão transportar Coroado Município na Grande Coroação deste Domingo
“Um dos objectivos que distingue a RARA é a tentativa de afirmação do artesanato como uma profissão de futuro”
Notícia Anterior
Proxima Notícia
Copyright 2023 Correio dos Açores