Edit Template

BE diz que ambiente “não está seguro” nos Açores

“O ambiente não está seguro com o Governo de direita”, afirmou ontem António Lima, numa visita à zona da Tronqueira, área protegida onde o desmatamento desregulado está a provocar danos no habitat do priolo, uma das aves mais raras da Europa, que é endémica dos Açores. O coordenador do Bloco considera que “a promoção de um turismo sustentável não passa de conversa, e com este governo temos assistido a uma degradação crescente ao nível ambiental”.
“O ambiente nos Açores não está seguro com o atual governo de direita”, que permite que numa zona desta importância ao nível da conservação, de protecção das espécies e da biodiversidade haja um desmatamento desregulado.
A visita ao local foi acompanhada por Gerbrand Michielsen, um empresário da área do turismo de natureza, que aponta para o impacto negativo da gestão que está a ser feita das matas naquela zona da ilha.
“Ouvimos um empresário da área do turismo, que traz aqui turistas para ver o que temos de melhor e depois deparam-se com um cenário desolador”, disse António Lima, que assinala que o desmatamento deve ser feito de forma faseada e não em largas áreas em simultâneo. “É normal que as árvores sejam cortadas, não têm é de ser cortadas todas de uma vez, porque isso leva a uma perda enorme do habitat das aves”, e além disso, tem impactos negativos nos solos e provoca um grande impacto visual.
António Lima alerta que “os selos e os galardões ambientais que conseguimos não servem de nada se, na prática, tratamos desta forma o que temos de melhor.”

Edit Template
Notícias Recentes
Deputada municipal da Povoação quer a freguesia das Furnas sem carros e uma gestão adequada do espaço da lagoa e dos cozidos das caldeiras
Marcelo e Luís Montenegro destacam a excelência da agricultura açoriana no panorama nacional
Confusão com disponibilidade de caixas para o peixe levou intermediários a só comprar peixe a partir das 13 horas
Governo estrutura Parque Marinho dos Açores e delimita as Áreas Marinhas Protegidas Oceânicas e interdita 30% do mar a actividades extractivas
Câmara Municipal de Ponta Delgada promove as XXI Grandes Festas do Divino Espírito Santo de 11 a 14 de Julho
Notícia Anterior
Proxima Notícia
Copyright 2023 Correio dos Açores