Edit Template

Utentes do Programa Novos idosos e dos centros de convívio da Misericórdia da Lagoa participaram em convívio de Carnaval

Numa tarde repleta de alegria e vivacidade, o Salão Paroquial da Igreja de Santa Cruz foi o cenário de uma festa de Carnaval verdadeiramente memorável, organizada pela equipa técnica local do Programa Novos Idosos, da Lagoa. No dia 8 de Fevereiro de 2024, 31 participantes provenientes do Programa Novos Idosos e dos Centros de Convívio de Santa Cruz e Água de Pau da Santa Casa da Misericórdia de Santo António da Lagoa, uniram-se para celebrar a tradição carnavalesca.
O momento de abertura da festa foi marcado pelas palavras calorosas de António Augusto da Ponte Borges, Provedor da Mesa Administrativa Santa Casa da Misericórdia de Santo António de Lagoa – Açores, congratulando o Programa da Vice-presidência do Governo dos Açores, por esta valiosa iniciativa. Expressou gratidão e satisfação pela presença de todos os participantes, nomeadamente os utentes do referido Programa, os seus cuidadores e os utentes dos centros de convívio da Instituição.
Destacou ainda, a importância vital destes momentos de convívio, para a promoção do bem-estar e qualidade de vida da população mais velha, ressaltando o papel significativo que desempenham na construção de uma comunidade unida e inclusiva, visando um envelhecimento mais activo.
A festividade contou com o apoio de entidades locais. A Polícia de Segurança Pública (PSP), através do programa de proximidade da cidade da Lagoa, esteve presente, contribuindo para um ambiente festivo e procurando criar laços de proximidade com os participantes.
A Câmara Municipal da Lagoa desempenhou um papel crucial, facilitando os recursos audiovisuais que enriqueceram e animaram a tarde de todos os presentes e ainda a paróquia de Santa Cruz, disponibilizando o Salão Paroquial e o seu responsável, permitindo deste modo a organização e realização da festa.
No decorrer da festa realizou-se um jogo de questões sobre músicas antigas, proporcionando momentos de convívio, estimulação cognitiva e uma saudável competição entre os participantes.
A diversão prolongou-se ainda, com um concurso e desfile de máscaras, onde os utentes do Programa dos Novos Idosos e dos centros de convívio de Santa Cruz e Água de Pau exibiram a sua criatividade e originalidade.
As 31 máscaras apresentadas a concurso foram cuidadosamente avaliadas por um painel composto por três júris. A competição foi acirrada, mas ao final do dia, a Misericórdia de Lagoa, o Restaurante Aroma das Ilhas e o Clube Desportivo Santa Clara premiaram os participantes mais destacados, reconhecendo o esforço e talento, envolvidos na elaboração das máscaras.
Esta iniciativa não foi apenas uma celebração carnavalesca, mas também um evento que promoveu a interação social, a estimulação cognitiva e a expressão criativa entre os mais experientes membros da comunidade.
O evento reforçou a importância do envelhecimento activo e do apoio institucional na promoção do bem-estar dos idosos, evidenciando que a alegria e a inclusão são ingredientes essenciais, para uma comunidade vibrante e saudável.

Edit Template
Notícias Recentes
Deputada municipal da Povoação quer a freguesia das Furnas sem carros e uma gestão adequada do espaço da lagoa e dos cozidos das caldeiras
Marcelo e Luís Montenegro destacam a excelência da agricultura açoriana no panorama nacional
Confusão com disponibilidade de caixas para o peixe levou intermediários a só comprar peixe a partir das 13 horas
Governo estrutura Parque Marinho dos Açores e delimita as Áreas Marinhas Protegidas Oceânicas e interdita 30% do mar a actividades extractivas
Câmara Municipal de Ponta Delgada promove as XXI Grandes Festas do Divino Espírito Santo de 11 a 14 de Julho
Notícia Anterior
Proxima Notícia
Copyright 2023 Correio dos Açores