Edit Template

Produtores alimentares, restaurantes hotéis e comunicações subiram de preço em Janeiro

A taxa de variação média dos últimos doze meses, terminados em Janeiro, do Índice de Preços no Consumidor, “Total”, desceu para 4,47% nos Açores (no país foi de 2,3%). A taxa de variação mensal foi de 0,02% nos Açores e 0,01% no país.
As maiores variações médias positivas verificaram-se nas classes “Produtos alimentares e bebidas alcoólicas” (11,11%); “Restaurantes e hotéis” (10,68%); “Comunicações” (4,88%); e “Acessórios, equipamento doméstico e manutenção corrente da habitação” (4,74%).
Em sentido contrário, a única classe que apresentou variação média negativa foi a do “Vestuário e calçado” (-1,14%). A taxa de variação média dos últimos doze meses nacional foi de 3,82%.
A taxa de variação homóloga do Índice de Preços no Consumidor, “Total” de Janeiro, situou-se nos 2,43%, aumentando 0,56 pontos percentuais em relação à taxa divulgada no mês anterior. A taxa homóloga a nível nacional foi de 2,30%. A taxa mensal do índice de Janeiro, “Total”, foi de 0,02%, aumentando 0,05 pontos percentuais em relação ao mês de anterior. A classe “Produtos alimentares e bebidas alcoólicas”, com 2,99%, foi a que mais se realçou no sentido da alta, enquanto no sentido da baixa foi a classe “Vestuário e Calçado”, com -13,17%.
A taxa mensal a nível nacional foi de 0,01%.

Edit Template
Notícias Recentes
Câmara da Ribeira Grande solicita activação do regime jurídico-financeiro de apoio à emergência climática
Santa Clara corre risco de perder o título de Campeão da Segunda Liga
Pedro Catarino defende “cultura de diálogo”entre República e Açores sobre gestão do mar
Ministro da Agricultura manifesta em Santarém interesse em reunir com Jorge Rita
Três deputados dos Açores com assento no Parlamento Europeu na legislatura 2024-2029
Notícia Anterior
Proxima Notícia
Copyright 2023 Correio dos Açores