Edit Template

Anda&Fala desenvolveu 156 acções em 2023 para mais de seis mil pessoas nos Açores

A Anda&Fala – Associação Cultural divulgou o seu Relatório de Actividades referente ao ano de 2023, que está agora disponível para consulta pública.
O Relatório de Actividades da Anda&Fala reúne e organiza as acções desenvolvidas ao longo do ano no âmbito da actuação da Associação. Apresenta uma reflexão sobre o plano de trabalho e a execução das actividades, com o propósito de indicar novos caminhos e possibilidades futuras.
Em 2023, o Plano de Actividades e calendário da Anda&Fala passou a organizar-se em torno da programação do espaço vaga, num total de 156 acções que contaram com a participação directa de mais de 6 mil pessoas, e acompanha o processo de transição do Walk&Talk para um modelo bienal, com actividades focadas na investigação e pesquisa através de residências das equipas artísticas que irão integrar a próxima edição.
Actualmente, esses dois projectos nucleares articulam-se com programas transversais à sua actuação como o Programa de Públicos e Conhecimento (acções de mediação e envolvimento), o Programa de Residências Artísticas, a 5.ª edição do PARES – Programa de Apoio à Actividade Artística nos Açores, a 1.ª edição do Prémio nova vaga, a edição de Santa Maria da RARA – Residência de Artesanato da Região dos Açores, e o novo projcto de educação pela arte Transmalhar. São projectos autónomos, mas interdependentes, o que se traduz na intersecção de programas ou partilha de recursos. Em conjunto, constituem a estrutura base do Plano de Actividades da associação e terão continuidade (e evolução) ao longo do próximo quadriénio.
As duas chamadas a artistas/projectos, PARES e Prémio nova vaga, enquadram-se no plano de actividades e estratégia de advocacia cultural da Anda&Fala – Associação Cultural. Juntas, totalizam cerca de 20.000 euros de investimento directo no ecossistema artístico da região dos Açores, estimulando dinâmicas emergentes e sua autonomia, e aprofundando práticas artísticas e o diálogo entre artistas e agentes culturais.
Surge ainda o Transmalhar, um projecto-piloto de educação pela arte que explora, na ilha de São Miguel, a arte como acto cívico. Na sua 1ª edição, reúne jovens dos 12 aos 18 anos residentes em São Miguel com artistas/colectivos nacionais/internacionais e várias associações locais, promovendo a co-criação artística. O ano de 2023 incluiu ainda um intenso Programa de Residências Artísticas, com o objectivo de potenciar a criação inédita e experimental nos Açores. As actividades da associação desenvolveram-se em múltiplas geografias, através da produção e da participação em projectos e programas além arquipélago, e a Direcção Artística e outros elementos da equipa Anda&Fala participaram em vários encontros, seminários e conferências que ampliam a rede de relações e actividades da associação e dos seus projectos. Em 2023, a associação iniciou um novo ciclo de financiamento quadrienal 2023-2026 do Ministério da Cultura – Direcção Geral das Artes e viu crescer a sua equipa nuclear e a sua rede de colaborações através de um conjunto de projectos que potenciam a criação, a partilha de recursos e a capacitação de outros agentes. O Relatório de Atividades Anda&Fala 2023 pode ser consultado através do website da Associação, em www.andafala.org.

Edit Template
Notícias Recentes
“É urgente a necessidade de reduzir o número de utentes por Médico de Família”, diz Maria Teresa Albergaria
Jaime Oliveira foi um dos cinco açorianos que ao lado de Salgueiro Maia desceram de Santarém a Lisboa no dia 25 de Abril de 1974: “Tive medo…”
“Temos muita fé no Divino Espírito Santo”, afirmamos mordomos dos Remédios da Bretanha
Câmara de Ponta Delgada estuda solução para o trânsito na Alameda de Santa Teresa
19 medalhas de ouro, 19 de prata e 18 de bronze no Campeonato Regional das Profissões
Notícia Anterior
Proxima Notícia
Copyright 2023 Correio dos Açores