Edit Template

Associação de Patinagem comemora “70 anos de honra, glória e de profunda dedicação ao desporto”com cerimónia hoje no Coliseu Micaelense

Destacando o universo de “meio milhar de atletas” que fazem parte da Associação de Patinagem de São Miguel e o esforço dos respectivos dirigentes associativos para “renovarem e trazerem novos valores” para modalidades como o Hóquei em Patins ou Patinagem Artística, o Presidente do município sublinhou ainda o crucial papel da instituição ao nível da formação da juventude. “Tudo se conjuga para que tenhamos uma gala de alto nível e de convívio intergeracional, primado por aquilo que foram estes 70 anos de honra, glória e de profunda dedicação ao desporto da associação”, afirmou o autarca.

O Presidente da Câmara Municipal de Ponta Delgada, Pedro Nascimento Cabral, afirmou que a Associação de Patinagem de São Miguel (APSM) pode orgulhar-se de estar a celebrar sete décadas de “honra, glória e de profunda dedicação ao desporto” .
“Tudo se conjuga para que tenhamos uma gala de alto nível e de convívio intergeracional, primado por aquilo que foram estes 70 anos de honra, glória e de profunda dedicação ao desporto da associação”, afirmou o autarca.
Pedro Nascimento Cabral falava na conferência de imprensa de apresentação da Gala Comemorativa dos 70 anos da Associação de Patinagem de São Miguel que se realiza hoje no Coliseu Micaelense.
Destacando o universo de “meio milhar de atletas” que fazem parte da Associação de Patinagem de São Miguel e o esforço dos respectivos dirigentes associativos para “renovarem e trazerem novos valores” para modalidades como o Hóquei em Patins ou Patinagem Artística, o Presidente do município sublinhou ainda o crucial papel da instituição ao nível da formação da juventude.
“A Associação de Patinagem de São Miguel tem o papel importante e imprescindível de atrair jovens. Além da vertente competitiva, e em qualquer que seja a modalidade, o desporto tem uma função social”, sublinhou.
A Gala da APSM vai decorrer no próximo hije, a partir das 15h15, no Coliseu Micaelense, e incluirá o lançamento do livro ‘APSM patina há 70 anos – Bodas de platina’, da autoria de Luís Óscar.
“Esta Associação tem uma história que merece ser contada e compilada em livro, e a Câmara Municipal tem o dever de estar ao lado da vossa Associação e daquilo que é o vosso propósito de projectar o desporto e todos os valores sociais que lhe são inerentes”, disse Pedro Nascimento Cabral, dirigindo as suas palavras ao Presidente da APSM, Aurino de Sousa.

“Milhares de micaelenses
patinaram com a nossa ajuda”

O Presidente da Associação de Patinagem de São Miguel, Aurino Rodrigues de Sousa, realçou na sua intervenção na mesma cerimónia que desde o dia 30 de Março de 1954, quando doze fundadores registaram os primeiros estatutos da Associação, ainda com o nome de Associação Distrital de Patinagem de Ponta Delgada, “o entusiasmo era, certamente, grande, mas talvez nenhum deles conseguisse prever uma vida tão longa e tão cheia de coisas boas como a que temos tido”.
Nestes 70 anos, afirmou, foram milhares de micaelenses que patinaram com a nossa ajuda, foram centenas de dirigentes e treinadores que se dedicaram à Patinagem de Velocidade, ao Skateboarding e, sobretudo, ao Hóquei em Patins e à Patinagem Artística, modalidades que nos proporcionaram grandes espectáculos e deram muitos campeões, regionais, nacionais, europeus e, até, mundiais”.
Por isso, prosseguiu, na qualidade de Presidente da Associação de Patinagem de São Miguel, “nesta data tão significativa, fiz questão de evocar toda esta gente que nos permitiu chegar até hoje com meio milhar de praticantes, em dez clubes filiados, com uma enorme vontade de elevar ainda mais o Desporto dos Açores”.
Agradeceu, a propósito, “aos que tanto nos deram e como estímulo para os que continuam a construir o nosso futuro sobre rodas, vamos aproveitar esta oportunidade festiva para fazer publicamente o nosso reconhecimento a cerca de 90 personalidades e entidades que se distinguiram na nossa história”.
“E para que a nossa bonita história seja conhecida por todos, fizemos questão de elaborar um livro, que será apresentado imediatamente antes da Gala. É um livro que conta muitas histórias da nossa história e contém mais de 600 nomes de pessoas que deram vida à Associação de Patinagem de São Miguel até hoje”, anunciou.
Mais de 500 convidados vai estar presentes no Coliseu, incluindo o Presidente da Câmara, Pedro Nascimento Cabral, “ele próprio um antigo hoquista e, agora, um importante suporte das nossas actividades em prol da comunidade, sobretudo dos mais jovens”.
Aurino Rodrigues fez questão de realçar a presença de Judith Gomes, “a lisboeta a quem os Açores muito devem, pelo que fez pela patinagem em São Miguel, formando muitas gerações de patinadores e hoquistas”.
Sublinhou que a celebração “das nossas Bodas de Platina será uma oportunidade para juntar várias gerações de amantes dos patins, praticantes e não praticantes, e também contamos convosco, que tanto nos têm ajudado a divulgar a patinagem”, concluiu.

Edit Template
Notícias Recentes
“Câmara Municipal de Ponta Delgada deixou praticamente de investir na vila das Capelas nos últimos anos”, afirma Manuel Cardoso
“Sou um bocadinho vulcão dos Açores e as minhas equipas reflectem essa personalidade,”assume a treinadora do Sporting, Mariana Cabral
Marcha com mais de 100 marchantes jovens promete hoje muita “brincadeira e diversão” nas Festas do São João da Vila
“Estas ilhas oferecem-nos sensibilidade, alegria, amor e dádiva que nenhum outro lugar do mundo oferece,” afirma António Rego
Maycon Melo veio de Mato Grosso no Brasil para os Açores para fazer do sushi a sua vida
Notícia Anterior
Proxima Notícia
Copyright 2023 Correio dos Açores