Edit Template

Paulo do Nascimento Cabral terá gabinete 100% açoriano em Bruxelas no caso de ser eleito deputado ao Parlamento Europeu

O candidato da AD-Aliança Democrática às eleições ao Parlamento Europeu do próximo dia 9 de Junho, Paulo do Nascimento Cabral, comprometeu-se a ter um gabinete totalmente composto por açorianos: “Temos muito bons quadros nos Açores, jovens e menos jovens, com muita experiência e conhecimento”, avançou Paulo do Nascimento Cabral.
“Só lhes falta a oportunidade certa. Aliás é como me aconteceu a mim. Se nunca lhes for dada a possibilidade de uma experiência no Parlamento Europeu, nunca serão experientes. É com isto que me comprometo”, garantiu o social-democrata.
Paulo do Nascimento Cabral falava após uma reunião com o deputado regional e líder da JSD/Açores, Luís Raposo, onde debateram as questões mais relevantes para os jovens, com vista à preparação das próximas eleições europeias.
“A Europa é um projecto de presente, mas também de futuro. É aos jovens que este projecto mais interessa. E é do seu futuro que estamos a falar, pois o mesmo também será influenciado pelo resultado das próximas eleições ao Parlamento Europeu”, frisou o candidato.
“A minha grande motivação é envolver os jovens dos Açores na definição deste projecto europeu, que passa por grandes desafios. E que, por isso mesmo, não poderia esquecer os jovens dos Açores”, acrescentou.
Paulo do Nascimento Cabral afirmou ainda os seus planos para a definição de um programa de estágios no seu gabinete, explicando que “para além do meu trabalho como deputado ao Parlamento Europeu, quero dar aos jovens açorianos o máximo de oportunidades possível, informando-os das oportunidades, envolvendo-os na definição das políticas europeias, e aqui também conto com o excelente trabalho que a JSD/Açores, sob a liderança do Luís Raposo, tem desenvolvido”.
O social-democrata pretende “promover uma experiência profissional no Parlamento Europeu”, acrescentando que quer “aliar a promoção do mérito à experiência, através de um programa de estágios assente em três vertentes, pois será aberto a todos os jovens açorianos, aos melhores alunos da nossa Universidade em cursos relacionados com os Estudos Europeus, e à JSD/Açores, através da indicação dos seus dirigentes. Com isto estarei a promover o mérito cívico, académico e político”, garantiu.
Paulo do Nascimento Cabral recebeu o apoio claro e expresso do Presidente da JSD/Açores, sublinhando que “partilhamos a mesma intenção de valorização da juventude açoriana, pois ela é muito necessária quer aos Açores, quer ao projecto europeu. Estas oportunidades servirão também para lhes dizer que podem ficar nos Açores, onde também terão oportunidades. Espero contar com a sua mobilização, entusiasmo, e energia, no próximo dia 9 de Junho”, concluiu.

Edit Template
Notícias Recentes
Mulheres em situação de sem-abrigo em São Miguel estão “em profundo sofrimento psicológico pela situação em que vivem”
Sónia Melo distinguida com o Prémio Cinco Estrelas Regiões na categoria chef privada
“O folclore é sempre o parente mais pobre da cultura”, afirma Filomena Loura, Presidente do Grupo Folclórico da Lomba do Cavaleiro
Tem crescido o número de caravelas-portuguesas avistadas nas zonas balneares do continente e Açores
Comunidade açoriana de Rhode Island apela a David Neeleman para a Breeze Airways fazer voos directos para os Açores
Notícia Anterior
Proxima Notícia
Copyright 2023 Correio dos Açores