Edit Template

Pedro Cabral diz que Ponta Delgada promove investimento na modernização e transição digital do comércio

O Presidente do Município de Ponta Delgada, destacou a importância da “Câmara Municipal de Ponta Delgada, em conjunto com a Câmara do Comércio e Indústria de Ponta Delgada e a Delegação dos Açores da AHRESP – Associação de Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal, ter, este ano, um stand de divulgação do projecto Bairro Comercial Digital – Centro Histórico de Ponta Delgada”.
Pedro Nascimento Cabral falava também na FICSA – Feira da Indústria, Comércio e Serviços dos Açores, que se encontra localizada na área da Alameda e do Pavilhão do Mar, em Ponta Delgada.
“Ponta Delgada abre assim as suas portas com o Bairro Comercial Digital, uma iniciativa que pretende revolucionar e criar uma nova vivência no centro histórico e em todos os negócios, que têm estabelecimentos de comércio ou serviços, através do uso das ferramentas e equipamentos digitais. Não poderíamos deixar passar esta oportunidade de dar a conhecer este nosso investimento na modernização e transição digital do nosso comércio tradicional”, reforçou.
Pedro Nascimento Cabral referiu que “temos de abrir as nossas portas ao turismo, pois é uma área que já está a catapultar Ponta Delgada e os Açores em geral, para índices de desenvolvimento e de progresso que todos nós ansiamos. Ao criarmos o Bairro Comercial Digital estamos a transformar o coração da nossa cidade numa autêntica superfície comercial, estimando-se que possa beneficiar várias empresas localizadas no Centro Histórico”.
“Nesta óptica de apoiar os nossos comerciantes e os nossos empresários, a Câmara Municipal de Ponta Delgada também tem implementado uma série de outras medidas para garantir vantagens competitivas às empresas do concelho e atrair novos investidores, como é o caso da manutenção da derrama em 1% sobre o rendimento das pessoas colectivas e o lançamento do Programa de Apoio ao Arrendamento Para Fins Não Habitacionais, que permite uma comparticipação a quem tenha rendas comerciais até aos 500 euros mensais e aos 6.000 euros anuais”, realçou.

Edit Template
Notícias Recentes
Mulheres em situação de sem-abrigo em São Miguel estão “em profundo sofrimento psicológico pela situação em que vivem”
Sónia Melo distinguida com o Prémio Cinco Estrelas Regiões na categoria chef privada
“O folclore é sempre o parente mais pobre da cultura”, afirma Filomena Loura, Presidente do Grupo Folclórico da Lomba do Cavaleiro
Tem crescido o número de caravelas-portuguesas avistadas nas zonas balneares do continente e Açores
Comunidade açoriana de Rhode Island apela a David Neeleman para a Breeze Airways fazer voos directos para os Açores
Notícia Anterior
Proxima Notícia
Copyright 2023 Correio dos Açores