Edit Template

Cristina Calisto reuniu com a Associação Agrícola de São Miguel

A Presidente da Câmara Municipal de Lagoa, Cristina Calisto, reuniu com os representantes do Conselho de Administração da Associação Agrícola de São Miguel, no edifício dos Paços do Concelho, no sentido de abordar um conjunto de matérias de interesse comum.
Nesta reunião, que contou com a presença do Presidente da Direcção da Associação Agrícola, Jorge Rita, falou-se de alguns desafios que o sector atravessa e foram analisados e debatidos alguns assuntos de importância para o sector agrícola na ilha de São Miguel, com destaque para a instalação de infra-estruturas agrícolas e o seu dimensionamento, a situação em que se encontram os caminhos agrícolas e a necessidade de ser assegurado o abastecimento de água às explorações.
Na ocasião, Cristina Calisto lembrou a necessidade de maior articulação entre as várias entidades, Câmara Municipal, o Governo Regional dos Açores e a Associação Agrícola, para que sejam ultrapassados os constrangimentos actuais e continua a considerar essencial que entre municípios de São Miguel haja uma uniformização de regras em relação aos licenciamentos das infra-estruturas agrícolas e das nitreiras.
A Associação Agrícola aproveitou a ocasião para solicitar a colaboração da Câmara Municipal de Lagoa no transporte de crianças para o concurso micaelense da raça Holstein frísia, que se realiza entre 6 e 9 de Junho.

Edit Template
Notícias Recentes
Mulheres em situação de sem-abrigo em São Miguel estão “em profundo sofrimento psicológico pela situação em que vivem”
Sónia Melo distinguida com o Prémio Cinco Estrelas Regiões na categoria chef privada
“O folclore é sempre o parente mais pobre da cultura”, afirma Filomena Loura, Presidente do Grupo Folclórico da Lomba do Cavaleiro
Tem crescido o número de caravelas-portuguesas avistadas nas zonas balneares do continente e Açores
Comunidade açoriana de Rhode Island apela a David Neeleman para a Breeze Airways fazer voos directos para os Açores
Notícia Anterior
Proxima Notícia
Copyright 2023 Correio dos Açores