Edit Template

Câmara da Ribeira Grande apoiou com meio milhão de euros obras na Igreja Matriz

A Igreja de Nossa Senhora da Estrela, na freguesia de Matriz, reabriu ontem ao público, após quase 5 anos de inactividade devido a obras de recuperação.
A cerimónia solene de reabertura foi presidida por D. Armando Esteves, bispo de Angra e ilhas dos Açores e contou com a presença de membros do Governo Regional dos Açores, Câmara Municipal e juntas de freguesia.
“O património religioso deve ser preservado. A nossa cidade é conhecida, também, pelo seu registo arquitectónico, em que esta Igreja é um excelente registo do melhor que temos para mostra,” referiu o autarca, que acrescentou:
“Numa altura em que cada vez temos mais gente a visitar-nos, as igrejas são também um ponto de paragem para o turismo religioso, sendo por isso mais um atractivo que temos para oferecer.”
As obras de manutenção decorreram desde 2019, altura em que uma comissão de obras, liderada pelo Padre Manuel Galvão, Filomeno Gouveia e Paulo Jorge Garcia, começaram a trabalhar, numa primeira fase, na reconstrução do telhado e numa segunda fase no interior.
No total, as obras ultrapassaram os 2 milhões de euros, tendo contado com o apoio da Câmara Municipal da Ribeira Grande em 575.000 €, do Governo Regional dos Açores e da comunidade local e emigrante.

Edit Template
Notícias Recentes
Mulheres em situação de sem-abrigo em São Miguel estão “em profundo sofrimento psicológico pela situação em que vivem”
Sónia Melo distinguida com o Prémio Cinco Estrelas Regiões na categoria chef privada
“O folclore é sempre o parente mais pobre da cultura”, afirma Filomena Loura, Presidente do Grupo Folclórico da Lomba do Cavaleiro
Tem crescido o número de caravelas-portuguesas avistadas nas zonas balneares do continente e Açores
Comunidade açoriana de Rhode Island apela a David Neeleman para a Breeze Airways fazer voos directos para os Açores
Notícia Anterior
Proxima Notícia
Copyright 2023 Correio dos Açores