Edit Template

Homem esfaqueou mortalmente uma tia e deixou avó em estado crítico que luta pela vida no hospital da CUF

Um homem de 27 anos esfaqueou ontem, na cabeça, uma tia, de 52 anos, que veio a falecer já no hospital, e a avó, de 78 anos, na madrugada de ontem, nos Ginetes, alegadamente por estas não lhe quererem dar dinheiro para comprar estupefacientes.
A avó foi operada ontem de manhã e, à hora de encerrarmos a edição, encontrava-se em estado crítico no Hospital da CUF, na Lagoa.
O crime ocorreu pelas 5h00 de ontem. O alegado agressor, supostamente toxicodependente, está preso. As vítimas foram socorridas pelos Bombeiros Voluntários de Ponta Delgada, e transportadas em estado muito grave para o Hospital da CUF.
A PSP, que encontrou as duas vítimas, isolou o local dos crimes e passou a investigação para a Polícia Judiciária.
Sobre o suposto agressor, soube o Correio dos Açores, durante uma temporada esteve emigrado no Canadá, na companhia dos pais. A determinada altura decidiu regressar aos Ginetes, onde chegou a viver com uma companheira. Actualmente, estaria a viver sozinho em casa dos pais.
A avó do alegado homicida é muito conhecida nos Ginetes por cozer massa sovado para os Impérios do Espírito Santo e, apesar da idade, tinha uma vida activa.
Já a tia, era considerada “muito boa rapariga e pessoa muito considerada.” Era catequista há muitos anos de crianças com idade mais avançada. Tinha um bar em Ponta Delgada e trabalhava numa loja médica nesta cidade.
Amanhã, as crianças dos Ginetes vão crismar-se na Candelária e ela estaria nesta cerimónia como catequista.
Está a causar estranheza nos Ginetes o acto tresloucado deste homem, que, segundo os vizinhos, “até chegava a ajudar a avó a amassar a massa sovada”.
Os mesmos vizinhos adiantam que só numa situação em que estivesse completamente fora de si (com ressaca), eventualmente, por falta de droga, é que perpetuaria tais actos.
A pacata comunidade da freguesia dos Ginetes está em estado de choque com estes acontecimentos.

Edit Template
Notícias Recentes
“Câmara Municipal de Ponta Delgada deixou praticamente de investir na vila das Capelas nos últimos anos”, afirma Manuel Cardoso
“Sou um bocadinho vulcão dos Açores e as minhas equipas reflectem essa personalidade,”assume a treinadora do Sporting, Mariana Cabral
Marcha com mais de 100 marchantes jovens promete hoje muita “brincadeira e diversão” nas Festas do São João da Vila
“Estas ilhas oferecem-nos sensibilidade, alegria, amor e dádiva que nenhum outro lugar do mundo oferece,” afirma António Rego
Maycon Melo veio de Mato Grosso no Brasil para os Açores para fazer do sushi a sua vida
Notícia Anterior
Proxima Notícia
Copyright 2023 Correio dos Açores