Edit Template

Câmara da Ribeira Grande solicita activação do regime jurídico-financeiro de apoio à emergência climática

Na sequência do fenómeno meteorológico ocorrido no passado dia 3 de Junho, na cidade da Ribeira Grande, que originou valores excessivos de pluviosidade, provocando transbordo das ribeiras da Ribeira Grande e Ribeirinha, resultando em prejuízos em moradias, viaturas e vias de circulação, a Câmara Municipal da Ribeira Grande já solicitou ao Governo dos Açores a activação do regime jurídico-financeiro de apoio à emergência climática, de modo a que quem tenha sofrido prejuízos possa ser apoiado na normalização e recuperação dos seus bens.
De acordo com o comunicado da Câmara da Ribeira Grande, o pedido agora efectuado resulta da celeridade com que todo o processo foi abordado e executado, desde a pronta activação do Plano Municipal de Emergência, resultando no destacamento imediato do Serviço Municipal de Protecção Civil, Bombeiros e Polícia de Segurança Pública para o terreno. Destaque ainda para a pronta intervenção das equipas do Instituto de Segurança Social dos Açores e da Divisão de Acção Social, Educação e Promoção de Saúde da Câmara da Ribeira Grande que identificaram e apoiaram de imediato quem necessitava de mais apoio naquele momento, em estreita colaboração com as juntas de freguesia de Matriz (Ribeira Grande) e Ribeirinha, as mais afectadas.
Por sua vez e em menos de 24 horas após o incidente, a Câmara Municipal da Ribeira Grande disponibilizou um formulário no seu sítio da internet para que a população afectada pudesse solicitar apoio e identificar os prejuízos sofridos.
Colocado o pedido junto ao Governo dos Açores, aguarda-se agora abertura de candidatura aos pedidos de apoio específicos para esta intempérie, encontrando-se a Câmara Municipal da Ribeira Grande, através da sua Divisão de Acção Social, Educação e Promoção de Saúde, ao dispor da comunidade para os esclarecimentos tidos como necessários.
Para Alexandre Gaudêncio “a rápida solicitação de activação do regime jurídico-financeiro de apoio à emergência climática junto do Governo dos Açores vem comprovar a excelente articulação e sincronia entre os diversos serviços, beneficiando apenas quem, neste momento, foi directamente afectado pelo fenómeno meteorológico sentido na Ribeira Grande na passada Segunda-feira, 3 de Junho”, começou por referir.
Para o Presidente da Câmara Municipal da Ribeira Grande “há agora que aguardar pela abertura de candidaturas de apoio junto da Secretaria Regional do Ambiente e Acção Climática, o que não deverá demorar, para que possam ser submetidos os referidos pedidos de apoio”, concluiu.

Edit Template
Notícias Recentes
“Câmara Municipal de Ponta Delgada deixou praticamente de investir na vila das Capelas nos últimos anos”, afirma Manuel Cardoso
“Sou um bocadinho vulcão dos Açores e as minhas equipas reflectem essa personalidade,”assume a treinadora do Sporting, Mariana Cabral
Marcha com mais de 100 marchantes jovens promete hoje muita “brincadeira e diversão” nas Festas do São João da Vila
“Estas ilhas oferecem-nos sensibilidade, alegria, amor e dádiva que nenhum outro lugar do mundo oferece,” afirma António Rego
Maycon Melo veio de Mato Grosso no Brasil para os Açores para fazer do sushi a sua vida
Notícia Anterior
Proxima Notícia
Copyright 2023 Correio dos Açores