Ministro das Infraestruturas diz que projecto de substituição de cabos de fibra óptica que tem opinião favorável da Região está para concurso

 O Ministro das Infraestruturas anunciou ontem na Assembleia da República que já está para publicação o concurso público para substituição dos cabos submarinos.
O deputado do PDS/A à Assembleia da República, Paulo Moniz, disse, na altura, que a ligação por cabo entre São Miguel e a Terceira vai ser feita por “um cabo velho que pode comprometer todo o projecto. Velho de 1998, que faz 25 anos no próximo ano, completamente obsoleto. Isto é, a tipologia que está prevista e que, segundo o senhor Ministro, foi enviado para concurso ontem, é pior e retira a capacidade de sincronização e de segurança do anel”, referiu o deputado citado pela Antena 1 Açores.
O deputado do PS/A à Assembleia da República, Francisco César, estava com a mesma dúvida, e quis saber que solução está prevista para o futuro cabo de ligação entre São Miguel e a Terceira. “O cabo submarino que irá ligar o continente à Região Autónoma dos Açores é um cabo que tem um desenho diferenciado do modelo anterior. E o cabo que faz a ligação de Lisboa directamente à ilha Terceira e, por sua vez, da Terceira faz a ligação a São Miguel  que, por sua vez, liga à Madeira. Eu gostaria que o sr. Ministro, também no seguimento da intervenção do sr. deputado Paulo Moniz, nos desse esclarecimentos também sobre como será feita esta ligação entre São Miguel e a ilha Terceira?”, questionou Francisco César.

Ministro garante que o cabo
que liga São Miguel à Terceira
“será uma ligação nova”

O Ministro das Infraestruturas garantiu que não há material obsoleto no futuro cabo submarino. Pedro Nuno dos Santos diz que estas dúvidas não têm razão de ser. “O grupo de trabalho funcionou naturalmente, bem, chegou -se a acordo e a questão que o sr. deputado (Paulo Moniz) está a levantar nunca foi levantada no contexto do grupo de trabalho. Portanto, o sr. deputado está levantar um problema que não existe”, disse o Ministro citado ontem pela Antena 1 Açores.
E o Ministro das infraestruturas respondeu, depois, diectamente, ao deputado socialista Francisco César:  “Sr. Deputado Francisco César, a ligação entre São Miguel e a Terceira será uma ligação nova”.
A solução final a que se chegou para a ligação, por cabos de fibra óptica, entre o continente, os Açores e a Madeira, é do agrado do Governo dos Açores que, entretanto, está a pedir alguns esclarecimentos sobre o projecto, nomeadamente, ao nível da manutenção.
Uma versão inicial do projecto, apresentado pela IP Telecom, não tinha o acordo do Governo dos Açores que a considerou “pobre, inadequada e de baixo custo” e pediu, “de forma peremptória” a sua revisão.  Assim, “Essa primeira solução proposta pela IP Telecom foi abandonada”.

Solução final é aceite pela Região

“Depois da pressão exercida pelo Governo Regional dos Açores, foi possível evoluir para uma solução técnica melhor,  cujo concurso, segundo o Ministro das Infraestruturas, Pedro Nuno dos Santos, está para publicada no Diário da República e que irá ser implementada,.
A pressão do Governo dos Açores levou, assim, a que a IP Telecom fizesse uma revisão do projecto e aquele que agora vai a concurso já tem a opinião favorável do Governo dos Açores, embora o Executivo açoriano continue a pedir alguns esclarecimentos.

 

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker