São Miguel terá centros de saúde nos seis municípios

Unidade de Saúde da Lagoa passa a Centro de Saúde com serviços ampliados e melhorias num investimento de cerca de 200 mil euros

O Presidente do Governo, José Manuel Bolieiro, anunciou que a Unidade de Saúde da Lagoa será convertida em Centro de Saúde. As declarações foram feitas após a visita às instalações, acompanhado pela Secretária Regional da Saúde e do Desporto, Mónica Seidi, e pela Presidente da Câmara Municipal da Lagoa, Cristina Calisto.   
O chefe do Executivo açoriano garantiu que serão feitas obras de ampliação na Unidade de Saúde, que foi inaugurada há 20 anos. Os cinco gabinetes vão nascer na actual cave do edifício e a antiga copa vai ser expandida. Prevê-se que as obras sejam feitas em dois meses e estejam concluídas até ao final do ano. O investimento será de cerca de 200 mil euros. 
José Manuel Bolieiro enfatizou que “é um projecto deste governo valorizar, na ilha de São Miguel, o único concelho que não tinha um centro de saúde. A gestão da Unidade de Saúde de Ilha de São Miguel vê como uma referência essencial ter, nos seis concelhos da ilha de São Miguel, seis centros de saúde.” 
“Isso valoriza não apenas a cidade e o concelho da Lagoa como sobretudo os seus utentes, que são cerca de 12 mil, o que é muito significativo no quadro da nossa demografia regional e da ilha de São Miguel”, prosseguiu. 
O Presidente do Governo dirigiu-se aos lagoenses, garantindo que “com este governo, a política de proximidade e da prioridade à saúde dos nossos açorianos e utentes do Serviço Regional de Saúde está dada como garantia.” 
As obras a efectuar no edifício contam com a cooperação da Câmara Municipal da Lagoa. José Manuel Bolieiro afirmou que “uma parte significativa da obra será feita com prata da casa”, nomeadamente com trabalhadores da Unidade de Saúde de Ilha de São Miguel. 
O Centro de Saúde da Lagoa passará a dispor de oito Núcleos de Saúde Familiares (Médico de Medicina Geral e Familiar e Enfermeira/o), consultas de Enfermagem de Saúde Materna e Obstetrícia, consultas de Enfermagem Especializada em Saúde Infantil e horários alargados, inclusive ao fim-de-semana. O Centro de Saúde terá, ainda, melhorias no serviço de atendimento telefónico e agendamento de consultas, com a criação um backoffice e rede telefónica.
 “Vamos ter a trabalhar com a consulta e com os serviços de enfermagem, o tratamento de feridas e a consulta médica de doença aguda. Isso passará a ser 12 horas por dia, de Segunda a Sexta-feira, das 18h às 20h e, no caso do tratamento de feridas, no Sábado até às 13h. Haverá um efectivo alargamento de cuidados, no acesso aos cuidados de saúde, permitindo que, em vez de se deslocarem a Ponta Delgada, os lagoenses passem a ter, no seu centro de saúde na Lagoa, a oportunidade de acesso”, disse.
“Neste edifício teremos, até ao final deste ano, mais cinco gabinetes. A capacitação será muito significativa relativamente aos novos serviços, até porque passamos a ter consultas, bem como tratamentos na área da enfermagem, de situação de injectáveis inclusive. (…) Passará a funcionar como um verdadeiro Centro de Saúde. Isso também ajuda a dignificar a proximidade do serviço na cidade e concelho da Lagoa”, referiu, elucidando que o principal objectivo em dar capacitação à Lagoa e ao seu Centro de Saúde é libertar o recurso aos serviços de urgência do Hospital do Divino Espírito Santo. 
José Manuel Bolieiro relembrou que em 2011 “houve uma alteração ao estatuto do Serviço Regional de Saúde e não se aproveitou nesta altura para reconhecer a Lagoa como um centro de saúde. (…) Vinte anos depois [da inauguração], estamos não só a assegurar melhorias das condições de operação, com as obras que estamos a realizar e que ficarão concluídas até ao final deste ano, como a transformar uma Unidade de Saúde num Centro de Saúde que preenche, na boa gestão que esse actual conselho de administração da Unidade de Saúde de Ilha de São Miguel está a realizar, uma nova coerência do funcionamento entre a USISM e os seis municípios da ilha de São Miguel, com seis centros de saúde.”
“Ademais, também muito me honra o facto de constatar que temos cobertos com médico de família cerca de 99% da população da Lagoa, o que significa que estamos a trabalhar com estratégia na saúde, uma prioridade da nossa governação, com o objectivo de realizar mais cuidados de saúde, não só primários, mas também na prevenção da doença, trabalhando pela saúde dos açorianos em todos os concelhos da Região. A Lagoa deixou de ser um concelho excluído e passou a ser um concelho incluído”, opinou José Manuel Bolieiro.                 
O Presidente do Executivo açoriano deixou “uma palavra de parabenização aos lagoenses que passarão a ter o seu Centro de Saúde.”

Cristina Calisto congratula-se com  passagem de unidade a centro de saúde
Por sua vez, Cristina Calisto, Presidente da Câmara Municipal da Lagoa, afirmou que os “ganhos são vários” para os habitantes do concelho, com a passagem de unidade a Centro de Saúde, mais concretamente “ao nível dos cuidados primários de saúde, que eram uma lacuna neste concelho já muito evidenciado pelos lagoenses e pela autarquia.” 
“O serviço alargado, os cuidados de enfermagem e de médico nesta unidade faltavam ser cobertos por um período de tempo, agora alargado e que vem responder a uma necessidade há muito reivindicada”, prosseguiu. 
Para a edil lagoense, continuar a funcionar como unidade de saúde e “ter que recorrer a Ponta Delgada para cuidados de saúde primários ao fim-de-semana, ou num período mais alargado, não fazia sentido”, tendo em conta a dinâmica social significativa que a Lagoa tem no contexto da ilha de São Miguel. 
Segundo Cristina Calisto, com a decisão anunciada ontem, “está reposta uma reivindicação que a autarquia já há muito tempo tem vindo a trabalhar com a administração da Unidade de Ilha de São Miguel, nomeadamente providenciando o projecto e apoio em material.” 
A autarca recorda que foi também aberto o Posto de Saúde em Água de Pau, resultado de uma colaboração entre o Governo Regional e a autarquia, “em que tudo foi pensado para servir melhor os lagoenses.” 
                              
                               Carlota Pimentel 
 

Print
Autor: CA

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker