17 de fevereiro de 2018

Ganho médio dos funcionários públicos dos Açores é de 1.650 euros

No final de 2017 existiam quase 670 mil funcionários públicos que em média ganhavam cerca de 1700 euros brutos mensais. Nos Açores o ganha médio dos funcionários públicos é de 1.650 euros. Os 669.725 trabalhadores que o Estado tinha no final de 2017 representam um aumento de 5.573 pessoas - cerca de 0,8% em relação ao ano anterior. A Administração Central é o grande empregador neste universo, com mais de 510 mil postos de trabalho; as câmaras empregam um pouco mais de 112 mil e os governos regionais contam - juntos - com cerca de 36 mil funcionários. Em média, estes quase 670 mil trabalhadores ganhavam, em outubro (último mês disponibilizado) 1.694 euros brutos mensais (1.667 um ano antes), valor que conta com o vencimento base médio de 1.461 euros (1.451 em outubro de 2016) somado a subsídios variados. A Administração Central é também quem paga melhor, com um ganho médio é de mais de 1800 euros. Nos governos regionais da Madeira e dos Açores o valor oscila entre 1600 e 1650 euros. As autarquias são quem, de longe, paga pior: em média, pouco mais de 1100 euros. Por funções - e estamos sempre a falar de valores médios - o destaque vai para os magistrados, que levam para casa mais de 5700 euros; os dirigentes superiores, com salários que se aproximam dos 5 mil euros; os médicos ganham 3600 euros; os professores universitários um pouco mais: 3650 euros; e os docentes do básico e secundário auferem pouco mais de 2100 euros por mês.
Print

Categorias: Regional

Tags:

Theme picker