Pedro Fernandes, o açoriano que passou de ‘menino de rua’ e é agora o rosto promocional da Jaguar e da Carolina Herrera a nível mundial Ler mais

Pedro Fernandes, o açoriano que passou de ‘menino de rua’ e é agora o rosto promocional da Jaguar e da Carolina Herrera a nível mundial

Pedro Fernandes é um jovem açoriano que viveu na rua e hoje é o rosto mundial da marca Jaguar. Nasceu em Ponta Delgada, mas cresceu na Praia da Vitória. Os seus planos para os próximos anos são muitos, mormente passar uma temporada em Tóquio e no Brasil, sendo o seu maior objectivo para o próximo ano mudar-se para os Estados Unidos e dar o último e maior passo na sua carreira. Pedro Fernandes quer explorar a representação, aprender e evoluir. Sempre sonhou com Hollywood e considera que o que existe na mente pode tornar-se realidade. Este ‘top model’ quer inspirar as pessoas com a sua música e crescer mais na sua carreira como modelo internacional. Por outro lado, Pedro Fernandes pretende lançar um perfume e um livro, tendo em vista homenagear o pai, há pouco tempo falecido, bem como  a mãe que tem, que o apoia incansavelmente. Trata-se de uma entrevista, em tempo de verão, bastante inspiradora, de que vale a pena tomar conhecimento.

Presidentes de Juntas de Freguesia da cidade de Ponta Delgada pedem intervenção urgente no combate ao aumento da toxicodependência e da insegurança Ler mais

Presidentes de Juntas de Freguesia da cidade de Ponta Delgada pedem intervenção urgente no combate ao aumento da toxicodependência e da insegurança

Depois de o Presidente da Junta de São Pedro ter dado voz à situação social preocupante que se vive naquela freguesia, estra semana o Correio dos Açores contactou os autarcas das restantes três freguesias da cidade de Ponta Delgada (Santa Clara, São José e São Sebastião) e, em todas elas, a preocupação com o aumento da toxicodependência e da insegurança é também uma realidade. Por isso, os Presidentes de Junta entendem que é necessário ‘arregaçar as mangas’, unir esforços e pedem a intervenção urgente do Governo Regional.

Exportador de peixe é de opinião de que o mar dos Açores é mal gerido e pede intervenção dos biólogos da UAc para estudar períodos de defeso Ler mais

Exportador de peixe é de opinião de que o mar dos Açores é mal gerido e pede intervenção dos biólogos da UAc para estudar períodos de defeso

Afonso Van Uden, criador da Fat Tuna, conta-nos o seu percurso até se tornar em um empresário bem-sucedido, como o negócio cresceu numa área “extremamente difícil, dependente de vários factores, concretamente do pescador, do estado do mar e da SATA para fazer exportação do peixe.” O empresário considera que há que acabar com as artes de pesca extremamente extractivas, como “as redes de emalhar, palangre de superfície e de fundo, manchas, os saltos e varas” assim como “criar períodos de defeso a todas as espécies, para permitir que estas possam desovar.”

Theme picker